Atendimento (81)

3423.3839 / 3423.2930

 
 
Você pode efetuar um depósito ou doar
alimentos, roupas, livros, produtos de higiene e brinquedos.

Notícias em Destaque

Últimas notícias
23.12.2015

A Casa de Passagem Ana Vasconcelos vai começar 2016 com muita alegria: o projeto “Somos o Futuro” foi aprovado pelo Criança Esperança - Unesco  (Organização das Nações Unidas para a educação, a ciência e a cultura).

O Projeto terá início dia 02 de janeiro de 2016 e tem como objetivo melhorar as condições de vida de crianças e adolescentes em situação de pobreza com violação de direitos e laços familiares fragilizados, sobretudo meninas vítimas de violência doméstica e sexual, afrodescendentes, por meio de atendimentos biopsicossocioeducativos e culturais e oficinas sobre educação ambiental, a fim de aumentar a inserção na família, na escola, na comunidade e na sociedade.

As ações deverão ser desenvolvidas durante 12 meses, de segunda a sexta-feira, durante o período da manhã, na sede do Programa Passagem para a Vida da Casa de Passagem Ana Vasconcelos, onde o público terá refeições, escutas de apoio, grupos operativos, visitas domiciliares, encaminhamentos à rede socioassistencial e à rede pública de saúde.

21.12.2015

      Ontem perdemos uma guerreira que dedicou à sua vida para ajudar o próximo. Um exemplo de ser humano, mãe, irmã, esposa, amiga e mulher. Uma pessoa que estava sempre pronta a estender a mão para ajudar a quem ela nem conhecia. Sempre tinha um sorriso e um abraço para nos confortar nos momentos difíceis, que viveu a sua vida em prol do outro. Não podemos descrever a saudade que ela deixa em nossas vidas, mas seu exemplo supera qualquer sentimento de perda que podemos ter nesse momento.
      Incansável defensora dos Direitos Humanos, mesmo tratando da saúde, ela não deixou de atuar em defesa desses ideais. Agora só podemos orar e agradecer pela sua passagem em nossas vidas, para que descanse com a certeza de que sua missão foi cumprida com louvor. Você deixa um exemplo para todos nós de que na vida mais vale o bem que fazemos ao outro, do que uma simples conquista individual. Um grande beijo, Jaciara, você ficará para sempre em nossos corações!

A direção e todos que fazem a Casa de Passagem.

09.09.2015

O projeto Ninho da Cidadania tem o patrocínio da Petrobras e as atividades acontecem de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h, na Rua Capitão Lima, 310, em Santo Amaro. Lá, as meninas recebem refeição diária, kit com produtos de higiene pessoal e vale-transportes. Além disso, participam de escutas de apoio, grupos operativos, visitas domiciliares, encaminhamentos à rede pública de saúde, à rede sócioassistencial e à matrícula escolar, bem como, têm acesso a oficinas de saúde, Além da dança popular e da ginástica rítmica; informática, pintura, educação ambiental, eco-design.

09.09.2015

O Forte das Cinco Pontas, que serviu de prisão para os revolucionários da Revolução Pernambucana (1817) e foi cenário do fuzilamento de Frei Caneca, hoje abriga o Museu da Cidade do Recife. O projeto Ninho de Cidadania visitou seu acervo documentos da história urbana e social do Recife. São cerca de 150 mil imagens além de peças de antigas residências e da Igreja do Senhor Bom Jesus dos Martírios.

09.09.2015

As meninas do Ninho de Cidadania fizeram um passeio de catamarã pelo rio Capibaribe, no centro do Recife. O passeio contemplou uma aula prática sobre a importância do mangue no rio e ainda uma abordagem histórica sobre o centro do Recife, mostrando as pontes através de uma visão diferente do dia-a-dia.

09.09.2015

Situado no bairro do Recife, o Paço do Frevo é um museu interativo dedicado à história deste ritmo tão pernambucano. O museu conta com escolas de música e dança e exposições de agremiações, personagens do ritmo, documentários e apresentações de música e dança. As meninas do Ninho de Cidadania conheceram o espaço e vivenciaram toda esta cultura de nossa terra. Elas aprenderam mais sobre a história deste patrimônio cultural e imaterial brasileiro com as explicações dos guias do museu, vídeos documentários e até dançaram guiadas por um professor do museu.

09.09.2015

Para comemorar a abertura do Projeto Ninho de Cidadania II, foi realizada a apresentação do grupo de dança popular do CBCA Casa de Passagem Ana Vasconcelos com a ciranda que é um tipo de dança e música de Pernambuco. Essa dança é originada mais precisamente na Ilha de Itamaracá, através das mulheres de pescadores que cantavam e dançavam em comemoração quando seus companheiros voltavam do alto mar. A dança foi escolhida como o marco da comemoração, pois é formada por uma grande roda, onde os integrantes dançam de mãos dadas mostrando simbolicamente a união e a importância do trabalho feito.

02.04.2014

A Casa de Passagem Ana Vasconcelos teve motivo para comemorar o início de 2014: o projeto “Somos o Futuro” foi aprovado pelo Criança Esperança - Unesco  (Organização das Nações Unidas para a educação, a ciência e a cultura).

O Projeto, que teve início no dia 02 de janeiro do corrente ano, tem como objetivo melhorar as condições de vida de crianças e adolescentes em situação de pobreza com violação de direitos e laços familiares fragilizados, sobretudo meninas vítimas de violência doméstica e sexual, afrodescendentes, por meio de atendimentos biopsicossocioeducativos e culturais e oficinas sobre educação ambiental, a fim de aumentar a inserção na família, na escola, na comunidade e na sociedade.

As ações deverão ser desenvolvidas durante 12 meses, de segunda a sexta-feira, durante o período da manhã, na sede do Programa Passagem para a Vida da Casa de Passagem Ana Vasconcelos, onde o público terá refeições, escutas de apoio, grupos operativos, visitas domiciliares, encaminhamentos à rede socioassistencial e à rede pública de saúde.

31.03.2014

A Casa de Passagem Ana Vasconcelos recebeu, no dia 27 de março de 2014, a doação de 494 pacotes de alimentos e 1045 peças de roupas da empresa Dotz – A Sua segunda Moeda – que chegou á instituição através dos representantes da Equipe Maravilha Saulo Bruno, Gabriel e Renato.

Vale ressaltar que o trabalho da Casa de Passagem Ana Vasconcelos tem por missão promover o protagonismo social dos indivíduos, então além de suprir necessidades básicas, a ONG procura capacitar seu público para que ele adquira autonomia e construa sua própria história.

A prática da responsabilidade social é fundamental na continuidade deste trabalho, e esperamos que a ação da Equipe Maravilha, da Empresa Dotz sirva de exemplo para que outras instituições colaborem com a transformação promovida na área social. Por tudo isto, agradecemos e esperamos, ampliar a nossa parceria em prol das crianças, adolescentes, jovens e famílias atendidos.

28.03.2014

Durante quatro agradáveis anos, a Casa de Passagem Ana Vasconcelos esteve à frente de um belíssimo projeto, graças a uma parceria com a União Europeia. Desde o ano de 2010 os moradores dos municípios de Camaragibe, Moreno, Olinda e Paulista puderam conhecer e fazer parte do Projeto Rede Cidadã. Inúmeras atividades aconteceram nessas cidades, em comunidades específicas, com o intuito de promover a melhoria da qualidade de vida de crianças, adolescentes, jovens e mulheres em situação de vulnerabilidade social dessas localidades.

O Rede Cidadã buscou como resultado melhorar o acesso do público atendido aos serviços de saúde, educação, assistência psicossocial e saneamento ambiental. Além do aumento da empregabilidade e de iniciativas empreendedoras, o projeto visava também promover e garantir direitos e políticas públicas para jovens e adolescentes através de ações de advocacy.

Entre os serviços prestados pelo Projeto estava o atendimento jurídico com orientação judicial familiar, trabalhista e previdenciária. Além de encaminhamentos ao Ministério Público, a sindicatos, INSS, Delegacia de mulheres e mediações de conflitos; atendimento psicológico com escutas de apoio e terapias comunitárias; atendimento de assistência social; atendimento de enfermagem; curso de Promotoras Legais; curso de formação para Adolescentes Multiplicadores de Informações (AMI) e Mídia & Advocay; cursos de qualificação profissional para jovens e mulheres e como também o encaminhamento para o mercado de trabalho; palestras e muito mais.

Nesses quatros anos de projeto, o Rede Cidadã esteve presente na vida das pessoas de maneira bastante significativa. Nos locais por onde ele passou há sempre uma história de superação, de gratidão, de autoestima recuperada, ou mesmo, dos laços de amizades sendo construídos. Seja nas comunidades de Arthur Lundgren e Paratibe (Paulista), ou no Bultrins e em Peixinhos (Olin-da), ou em Tabatinga (Camaragibe) e Bonança (Moreno) o Projeto Rede Cidadã e a Casa de Passagem fizeram dessa parceria um verdadeiro testemunho de amor.

Depois de quatro anos de atuação e muito trabalho foi à hora do Projeto Rede Cidadã se despedir com chave de ouro. No dia 18 de dezembro, a Casa de Passagem Ana Vasconcelos realizou no auditório do CEFOSPE o Seminário de Apresentação de Resultados do Projeto Rede Cidadã.

O evento contou com a participação de pessoas que ao longo de toda trajetória do Projeto estiveram engajadas de maneira direta ou indireta com a execução dos trabalhos. Seja quem foi atendido, ou quem ajudou a atender, o Seminário serviu também como um momento de agradecimento por tudo que foi feito nas comunidades e principalmente na vida das pessoas beneficiadas “A presença da Casa de Passagem nos municípios provocou , acima de tudo, encontro entre pessoas. Pessoas que foram, muitas vezes apenas por curiosidade, observar o que de diferença havia e encontraram cidadania, recuperaram vida. Indiretamente através da CEO e de forma direta, através da minha esposa, compartilho esse sucesso.

Hoje recebi a melhor mensagem de Natal. Se o Natal traz uma mensagem de nascimento, vi aqui uma cidadã com 83 anos dizendo que nasceu”, falou Silvino Nascimento , presidente da CEO, ao fim do Seminário.

28.03.2014

Foi realizada, no dia 28 de novembro de 2013, no Parque 13 de Maio, a XVIII Feira de Educação em Saúde para Adolescentes, que trouxe como tema, este ano, Desenvolvimento Sustentável e a Promoção da Cultura da Paz. O evento contou com a presença dos beneficiários do Projeto Rede Cidadã das cidades de Camaragibe, Moreno, Olinda e Paulista.

À medida que os participantes foram chegando, foram organizando suas barracas com as decorações e adereços confeccionados em oficinas de conhecimento e fortalecimento a respeito do tema, nas comunidades durante todo o ano.

A feira contou com 25 barracas e todas foram ocupadas. Além dos trabalhos confeccionados pelos jovens, o evento contou também com produtos de reciclagem fabricados por algumas mulheres que se formaram no Curso de Promotoras Legais. Foi realizada, também, a distribuição das camisas da Campanha aos que ainda não haviam recebido no Fórum da Juventude.

Apresentações de danças, paródias, músicas e encenações a respeito da temática, demonstraram co-nhecimento e reflexão da juventude, diante da proposta do evento. A Banda Marcial da Polícia Militar também se apresentou na Feira.

Após a Feira, a Carta da Juventude foi devidamente entregue pelos jovens Lucas e Isabella, ambos do município de Moreno ao Sr. Betinho Gomes, Deputado Estadual e Presidente da Comissão de Cidadania e Direitos Humanos do Estado, em Audiência na Rua da Aurora.

A Feira foi realizada com tranquilidade, empode-ramento e organização pelos jovens participantes.

28.03.2014

Conhecimento, luta por direitos, descontração, danças e músicas marcaram a décima quinta edição do Fórum da Juventude. O evento foi realizado no dia 09 de novembro de 2013, na Universidade Católica de Pernambuco e teve como tema o Desenvolvimento Sustentável e a Promoção da Cultura da Paz.

Além dos jovens atendidos pela Casa de Passagem Ana Vasconcelos, alunos do Colégio da Polícia Militar também fizeram parte da comissão organizadora do Fórum. Entre os convidados do evento estavam: Nivaldo, Presidente do CEDCA, Solange Loureiro representante da Secretaria Estadual de Saúde, Flávia Galindo, professora e supervisora acadêmica de estágio da Faculdade do Recife e a palestrante Margareth Mayer, Professora do curso de Morfologia e Fisiologia Animal da Universidade Federal Rural de Pernambuco.

Foram trazidas por cada comunidade envolvida apresentações de danças, paródias, músicas e encenações a respeito da temática. Para a exibição das propostas de políticas públicas para juventude, foram escolhidos representantes de cada município para que lessem e argumentassem sobre a escolha das mesmas.

Ao final do evento foi colocada a música Paz pela Paz, de Nando Cordel e foram entregues, por duas crianças, as lembranças confeccionadas com material reutilizado pelas mulheres do curso de bijuteria e Promotoras Legais de Paratibe.

Após o encerramento, foram distribuídos almoços para cada educador social repassar aos seus educandos. O Fórum foi um verdadeiro sucesso.

28.03.2014

A Casa de Passagem Ana Vasconcelos deu o ponta a pé inicial para a realização do Fórum da Juventude e para a Feira de Saúde 2013 com os Minifóruns realizados nas comunidades atendidas pela Instituição. Camaragibe, Moreno, Olinda e Paulista, fizeram bonito e mostraram que a dedicação foi compensadora ao final dos trabalhos.

Os Minifóruns tiveram como objetivo preparar os adolescentes e jovens que participaram do XV Fórum da Juventude e da XVIII Feira de Educação e Saúde, realizados respectivamente, nos dias 09 e 28 de novembro, no Auditório G II da Universidade Católica de Pernambuco e no Parque Treze de Maio. A idéia desses eventos foi de mobilizar e sensibilizar os jovens a pensarem sobre o Desenvolvimento Sustentável e a Promoção da Cultura de Paz (temas do Fórum e da Feira deste ano), com possíveis ações que ajudem a trazer para as comunidades melhorias e a criação de políticas públicas voltadas para a juventude.

Nesses Minifóruns houveram palestras com especialistas no assunto, apresentações culturais dos adolescentes e mostras de vídeos sobre os temas. Com isso, os jovens puderam repensar suas ações cotidianas e buscaram formas para se tornarem protagonistas de suas vidas, conscientes de seus direitos e assumindo seus deveres.

28.03.2014

Chegou ao fim mais algumas Oficinas de Mídia e Advocacy do Projeto Rede Cidadã, da Casa de Passagem Ana Vasconcelos em parceria com a União Europeia, nos municípios de Moreno, Paulista e Olinda.

Durante o curso os jovens puderam aprender sobre técnicas de reportagem, elaboração de matéria e a importância do jornalismo para melhoria da comunidade. Ao final das oficinas os alunos confeccionaram um jornal comunitário.

Esta iniciativa aconteceu semanalmente nos respectivos Núcleos do Projeto e os jovens puderam conhecer técnicas de reportagem para mostrarem um pouco da realidade de suas comunidades. Assuntos relacionados com direitos humanos, meio ambiente e com o ECA também foram debatidos em sala.

28.03.2014

No mês de outubro a Institui-ção Casa de Passagem Ana Vasconcelos recebeu a visita de representantes da MISEREOR.

Durante a visita, eles estive-ram nas comunidades de Tabatinga (Camaragibe), Paratibe (Paulista) e Peixinhos (Olinda) para ver de perto os trabalhos executados pela Casa de Passagem em parceria com a Instituição alemã.

Os representantes puderam ainda conversar com os jovens e conhecer um pouco mais sobre a realidade de cada comunidade.

A MISEREOR investe no Projeto Juventude Cidadã, que tem como objetivo promover o protagonismo social e político de adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social, com base em uma proposta de formação cidadã.

28.03.2014

Durante o mês de outubro aconteceram as TVs de Rua nos municípios de Camaragibe, Moreno, Olinda e Paulista. Palestras e encenações fizeram parte dos eventos.

O processo de organização e preparação das TVs de Rua ocorreu com a participação efetiva de todos adolescentes e jovens dos Cursos de AMI e de Mídia & Advocacy. O objetivo era proporcionar um diálogo mais consciente com a comunidade a respeito de assuntos como Desenvolvimento Sustentável e Promoção da Cultura de Paz, servindo de preparação para eventos futuros como Mini-Fóruns, Fórum da Juventude e Feira de Saúde – todos promovidos pela Casa de Passagem.

Através de um amplo debate na busca de soluções para as dificuldades existentes nas comunidades, as TVs de Rua se mostraram esclarecedoras para os participantes.

28.03.2014

A Casa de Passagem Ana Vasconcelos continua com seu Ciclo de Palestras nas comunidades atendidas pelo Projeto Rede Cidadã. Durante os meses de outubro a dezembro, a Instituição prosseguiu levando conhecimento aos seus beneficiários com temas que perpassaram pela saúde até assuntos sobre mercado de trabalho para os jovens.

28.03.2014

A rotina das meninas do Passagem para a Vida foi alterada com uma importante palestra sobre “Doenças sexualmente transmissíveis – infecções por HPV”.

Durante a palestra as meninas atendidas ocorreu puderam entender um pouco mais sobre o que é o HPV, como ocorre sua transmissão, como é feito o seu tratamento e como se prevenir. A palestra se dividiu em três momentos. O primeiro foi à exposiçãodo assunto pelas palestrantes.

No segundo, formaram-se grupos para debater sobre as questões e elaborar reflexões a respeito do tema. No terceiro momento as participantes puderam expor ao grande grupo o que debateram nos subgrupos.

O debate foi bastante promissor e as meninas puderam esclarecer todas as suas dúvidas, o que possibilitou para elas uma gana maior de conhecimento adquirido.

28.03.2014

Dentre as várias apresentações que fazem, as meninas do Ninho de Cidadania continuam encantando as pessoas por onde passam. Dessa vez, foram os funcionários da TIM Nordeste, situada no bairro de Prazeres, em Jaboatão dos Guararapes – que ficaram envolvidos com a graça das garotas.

O projeto Ninho da Cidadania tem o apoio da Petrobras e as atividades acontecem de segunda à sextafeira, das 8h às 12h, na Rua Capitão Lima, 310, em Santo Amaro.

Lá, as meninas recebem refeição diária, kit com produtos de higiene pessoal e vale-transportes. Além disso, participam de escutas de apoio, grupos operativos, visitas domiciliares, encaminhamentos à rede pública de saúde, à rede sócio-assistencial e à matrícula escolar, bem como, têm acesso a oficinas de saúde, ginástica rítmica, informática, dança popular, pintura, educação ambiental, eco-design e alimentação alternativa.

28.03.2014

Atualmente, existe uma grande procura de profissionais qualificados em todas as áreas e não seria diferente com o ramo de confeitaria. Pensando nisso, a Casa de Passagem Ana Vasconcelos resolveu dar mais uma oportunidade de qualificação para a comunidade de Peixinhos, em Olinda. Após alguns meses de muita dedicação, chegaram ao fim no mês de setembro às aulas do Curso de Doces e Salgados no bairro.

Durante a confraternização de encerramento, houve também uma palestra sobre a Lei Maria da Penha para as participantes do curso.

28.03.2014

No dia 12 de setembro, foi a vez do núcleo do Projeto Rede Cidadã, em Bonança, Moreno, receber o evento Dia da Beleza. A ação é promovida pela Casa de Passagem Ana Vasconcelos em parceria com cabeleireiros do próprio município.

O melhor de tudo, é que além do serviço disponibilizado ser gratui-to e de muita qualidade, os eventos contemplam também o entretenimento e interação entre o público beneficiado e os profissionais. Durante a ação foram realizados cortes de cabelo e alisamentos.

“Participar de um evento como este é bom porque a gente também se diverte e tem a oportunidade de fazer novas amizades”, falou uma das beneficiárias da Casa de Passagem.

28.03.2014

Com base em uma proposta de educação e inclusão digital, a Casa de Passagem Ana Vasconcelos inaugurou o último telecentro, em parceria com o Serviço Federal de Processamentos de Dados (SERPRO), no Núcleo da CP em Bonança, no município de Moreno.

Esta parceria, entre o SERPRO e a Casa de Passagem, rendeu a Instituição cinco Telecentros equipados cada um com 11 computadores, totalizando 55 máquinas doadas, todas operando com sistema livre (Linux). Através desta ação a ONG vai ampliar o atendimento ao público beneficiário, através da inclusão digital com aulas de informática para adolescentes, jovens e mulheres.

28.03.2014

No dia 24 de setembro a Gerente Executiva da Casa de Passagem Ana Vasconcelos, Cristina Mendonça, foi a convidada do programa Folha Na Tarde que é apresentado por Patrícia Breda na Rádio Folha de Pernambuco diariamente.

Cristina Mendonça participou do quadro “Espaço Mulher”, que conta com entrevistas de mulheres de destaque no cenário local e nacional. Na oportunidade, a Gerente Executiva, falou sobre o histórico da Casa de Passagem Ana Vasconcelos – desde sua fundação até os atuais projetos executados pela Instituição

28.03.2014

A Rede de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes realizou, no dia 13 de agosto, um encontro em alusão aos 23 anos do Estatuto da criança e do Adolescente (ECA).

Na ocasião, foi realizado um momento cultural com jograis, teatro, fotografias, cordéis e outras formas de expressão cultural com a participação de crianças e adolescentes de instituições governamentais e não governamentais. A Rede fez, ainda, um link entre o Estatuto da Criança e do Adolescente e a prevenção à Violência sexual.

A casa de Passagem Ana Vasconcelos esteve presente e colaborou com as apresentações culturais através de uma paródia encenada da música “Ana Maria”, do forrozeiro Santana. A peça foi apresentada pelos alunos do Curso de Turismo do município de Moreno.

A Rede de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes no Estado de Pernambuco é um espaço de mobilização, articulação política e monitoramento do plano estadual de enfrentamento a violência sexual de Crianças e Adolescentes, aberto à participação de representantes de instituições governamentais, não governamentais e de outros sujeitos sociais que tenham interesse em discutir formas para o enfrentamento da violência sexual infanto-juvenil.

Atualmente a coordenação da Rede é composta pelas seguintes organizações: GOVERNAMENTAL: Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos e Secretaria Estadual da Criança e da Juventude; NÃO-GOVERNAMENTAL: Casa de Passagem Ana Vasconcelos e Coletivo Mulher Vida.

28.03.2014

A Rede de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes realizou, no dia 13 de agosto, um encontro em alusão aos 23 anos do Estatuto da criança e do Adolescente (ECA).

Na ocasião, foi realizado um momento cultural com jograis, teatro, fotografias, cordéis e outras formas de expressão cultural com a participação de crianças e adolescentes de instituições governamentais e não governamentais. A Rede fez, ainda, um link entre o Estatuto da Criança e do Adolescente e a prevenção à Violência sexual.

A casa de Passagem Ana Vasconcelos esteve presente e colaborou com as apresentações culturais através de uma paródia encenada da música “Ana Maria”, do forrozeiro Santana. A peça foi apresentada pelos alunos do Curso de Turismo do município de Moreno.

A Rede de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes no Estado de Pernambuco é um espaço de mobilização, articulação política e monitoramento do plano estadual de enfrentamento a violência sexual de Crianças e Adolescentes, aberto à participação de representantes de instituições governamentais, não governamentais e de outros sujeitos sociais que tenham interesse em discutir formas para o enfrentamento da violência sexual infanto-juvenil.

Atualmente a coordenação da Rede é composta pelas seguintes organizações: GOVERNAMENTAL: Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos e Secretaria Estadual da Criança e da Juventude; NÃO-GOVERNAMENTAL: Casa de Passagem Ana Vasconcelos e Coletivo Mulher Vida.

28.03.2014

No dia 04 de agosto de 2013, foi realizado, no Colégio Municipal Ministro Marcos Freire, o batismo e a troca de corda de cerca de 30 adolescentes e jovens de ambos os sexos, que fazem parte do grupo de Capoeira nos Núcleos de Peixinhos (Olinda) e Paratibe (Paulista) do Projeto Rede Cidadã, da casa de Passagem Ana Vasconcelos em parceria com a União Europeia.

A capoeira é uma expressão cultural brasileira que mistura arte-marcial, esporte, cultura popular e música. O batizado é uma roda de capoeira solene e festiva, onde alunos novos recebem sua primeira corda e demais alunos podem passar para graduações superiores. Em algumas ocasiões pode-se ver formados e professores recebendo graduações avançadas, momento considerado honroso para o capoeirista.

O evento, que teve início às 14h, contou ainda com a apresentação de um grupo de dança transexual, que realizou uma coreografia bastante conhecida no momento: o show das poderosas.

28.03.2014

O Dia da Beleza, realizado pela Casa de Passagem Ana Vasconcelos, tem sido mesmo um sucesso. Dessa vez quem foi contemplada com a oportunidade foi a comunidade de Peixinhos, em Olinda.

Os moradores foram presenteados com mais um serviço de qualidade oferecido pela Instituição. Assim como aconteceu nos municípios de Camaragibe, Paulista e Moreno, em Olinda os profissionais que prestaram o serviço são da própria comunidade.

28.03.2014

Informar também é uma forma de mudar o mundo. Foi pensando nisso que a Casa de Passagem Ana Vasconcelos realizou, nos meses de julho a setembro diversas palestras com uma gama de temas, através de parcerias com a Faculdade Pernambucana de Saúde (FPS); Sest/Senat e alunos estagiários da Faculdade do Recife (FAREC).

As palestras foram realizadas nos municípios de Camaragibe, Moreno, Olinda e Paulista, tanto nos Núcleos Rede Cidadã, através da União Europeia, quanto em diversas escolas nas cidades onde a instituição atua.

Os temas perpassaram pela saúde, com saúde bucal; diarréia aguda; alcoolismo e drogas; métodos contraceptivos e outros. Já sobre a preservação do ambiente, os alunos ouviram sobre o uso racional da água. Na área da legislação, a Lei Maria da Penha e o estatuto das crianças e Adolescentes formaram o carro chefe.

Foram momentos bastante proveitosos: “Considero a informação de extrema importância sobre a temática da violência, entendendo como contribuição para o combate e prevenção da violência”, disse um dos ouvintes, em avaliação.

28.03.2014

A Casa de Passagem Ana Vasconcelos (CP) e o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) inauguraram, na sexta-feira, dia 05 de julho de 2013, um Telecentro no Núcleo da Instituição, no bairro de Peixinhos, em Olinda. 

A sala, que foi equipada com 11 computadores doados pelo Serpro, todos funcionando com o Sistema Livre Linux, ficará aberta ao público e oportunizará pesquisas em estudos e acréscimo profissional para os moradores da comunidade de Peixinhos. “Este telecentro é importante para o desenvolvimento da comunidade, que ainda tem muito a crescer. Ter computadores à disposição ajuda o público a conhecer e lutar por seus direitos”, diz Cristina Mendonça, Gerente Executiva da Casa de Passagem.

Este foi o terceiro telecentro inaugurado fruto da parceria entre a CP e o Serpro. Os dois anteriores foram instalados na Sede do Programa Passagem para a Vida da CP, na Rua do Lima, em Recife e o segundo na comunidade de Paratibe, em Paulista, no núcleo do Projeto Rede Cidadã. Além destes, estão previstas as instalações de mais dois telecentros, sendo um em Moreno e outro em Camaragibe, nas comunidades de Bonança e Tabatinga, respectivamente. Ambos são núcleos do Projeto Rede Cidadã, uma parceria entre a Casa de Passagem Ana Vasconcelos e a União Europeia.

28.03.2014

A Casa de Passagem Ana Vasconcelos (CPAV) deu início, no dia 15 de agosto de 2013, às reuniões de organização do Fórum da Juventude e da Feira de Educação em Saúde para Adolescentes. Este ano, os eventos terão como tema “Desenvolvimento Sustentável e a Promoção da Cultura da Paz”.
A CPAV realiza estes eventos anualmente. O Fórum já vai em sua 15ª edição e acontecerá na Universidade Católica de Pernambuco, no dia 09 de novembro. Já a feira, um pouco mais antiga, atinge a maioridade em sua 18ª edição. O local da Feira continua o mesmo, o Parque 13 de Maio. O encontro, que culminará com uma passeata para a entrega da Carta da Juventude, acontecerá no dia 28 de novembro do corrente ano.
A CPAV é uma associação civil do Nordeste brasileiro, sem fins lucrativos, de utilidade pública federal, estadual e municipal, que se baseia em princípios ético-morais de valorização da pessoa humana e em defesa dos direitos das crianças, dos adolescentes, jovens e mulheres em situação de pobreza do estado de Pernambuco.

28.03.2014

Casa de Passagem Ana Vasconcelos (CP) e a Companhia Pernambucana De Saneamento (Compesa) fecharam uma parceria que resultou em benefício aos moradores da comunidade de Tabatinga e proximidades, no município de Camaragibe, Região Metropolitana do Recife, que serão contemplados com atividades sobre o uso racional da água.
As ações foram realizadas durante o mês de julho em três momentos de conscientização através de palestra, teatro de fantoches e oficina, todas envolvendo o uso racional e as etapas de tratamento da água. “Esperamos, através desta ação, otimizar a utilização da água e mostrar à população a importância de preservar o ambiente em que vivemos”, explica Cristina Mendonça, Gerente Executiva da Casa de Passagem.
As atividades tiveram como sede o Núcleo do Projeto Rede Cidadã na Comunidade de Tabatinga, que fica na Rua Prefeito Josué, 610. Confira a programação abaixo:

Palestra fala sobre o uso consciente da água

Funcionários da COMPESA realizaram uma palestra sobre o “Uso Racional da Água” na Escola Santa Apolônia para cerca de 40 jovens. Durante o evento, os adolescentes puderam debater com os pa-lestrantes sobre o consumo consciente da água e tiveram a oportunidade de relatar experiências vividas na comunidade sobre o assunto.

Teatro de fantoches ensina a criançada a cuidar da água

Crianças da Escola Professor Nelson Chaves tiveram uma manhã bastante divertida com a apresentação do Teatro de Fantoches da COMPESA. Elas aprenderam sobre a importância de preservar o meio ambiente e formas de cuidar da água. Durante o evento, os pequeninos ainda participaram de outras brincadeiras.

Mulheres participam de oficina de Sabão Ecológico

Moradores do bairro de Tabatinga tiveram a oportunidade de participar de uma oficina de Sabão Ecológico, também promovida pela COMPESA em parceria com a Casa de Passagem Ana Vasconcelos. Na ocasião, a população pode aprender a reutilizar de maneira sustentável para o ambiente o óleo de cozinha já usado.
O sucesso foi tão grande que os colaboradores da COMPESA estiveram satisfeitos com a atenção e a interação do público presente. “Acho importante que ações como esta nos ajudem a preservar o meio ambiente e também nos incentivem a fazer uma renda extra”, falou uma das participantes da oficina.

28.03.2014

Chegou ao fim mais uma Oficina de Mídia e Advocacy do Projeto Rede Cidadã, da Casa de Passagem Ana Vasconcelos. O curso teve seu início em abril e foi concluído no mês de julho com a confecção de um jornal comunitário feito pelos próprios alunos. Esta iniciativa aconteceu semanalmente na Escola Professor Nelson Chaves, em Tabatinga, onde os jovens puderam conhecer técnicas de reportagem para mostrarem um pouco da realidade de sua comunidade.
A oficina de Mídia e Advocacy tem como função sensibilizar os adolescentes e jovens para ter uma atitude mais crítica perante o contexto social, reivindicando políticas públicas e leis que me-lhorem as condições de vida dos mais excluídos da sociedade. Com isso, são abordadas técnicas de reportagem e de produção de notícia, assuntos relacionados com direitos humanos, meio ambiente e com Estatuto da Criança e do Adolescente.

28.03.2014

Uma produção teatral infanto-juvenil fechou o mês de férias das meninas do Ninho de Cidadania. No dia 30 de julho de 2013, cerca de 30 crianças e adolescentes foram conferir a pela “O Menino da Gaiola”, no Teatro Apolo. Na ocasião, além de prestigiar a produção cultural, as meninas tiraram fotos para registrar o momento, que foi de bastante descontração.
A peça conta a história de Vito, um menino esperto e curioso, que teima em saber os so-nhos daqueles que encontra em seu caminho. Órfão de pai e mãe, o garoto vive com a amável e dramaticamente divertida avó Dona Erundina e com o Tio Efúvio, que cria pássaros em gaiolas espalhadas pela casa. É no aniversário de Vito que ele tem a idéia de sair pelo mundo portando uma gaiola, pronta para receber, como pássaros de papel, sonhos mil. Presos até então, seu objetivo é libertá-los.
Apesar dos alertas da avó sobre os perigos do mundo, Vito segue seu destino e se depara com o mundo real, com personagens que estão à margem da sociedade, como um mendigo que teve o rosto queimado e uma menina que é assediada pelo padrasto. A produção tem texto de Cleyton Cabral, direção de Samuel Santos, com Evilásio de Andrade, Auricéia Fraga, Márcio Fecher, Eduardo Ja-piassu e Ana Souza no elenco.

25.03.2014

A Casa de Passagem Ana Vasconcelos recebeu a medalha dos Direitos Humanos no dia 13 de dezembro de 2011, em sessão solene da entrega da Medalha Dom Hélder Câmara 2011 no plenário da Câmara Municipal de Olinda.

A homenagem aconteceu pela atuação de mais de 23 anos no resgate social de crianças e adolescentes em situação de risco, em Pernambuco. Além da Casa de Passagem, a advogada Amelba Martins e o artista plástico Olindense, Tiago Amorim, também receberam a medalha.

 
Abertura da solenidade
 
Cristina Mendonça recebendo a Medalha Dom Hélder Câmara 2011
19.03.2014

Uma quarta-feira bastante diferente para as meninas do Ninho de Cidadania, projeto realizado pela Casa de Passagem Ana Vasconcelos em parceria com a Petrobras. Assim foi o dia 06 de maio de 2013, quando elas foram passar uma manhã bastante divertida no parque da Jaqueira.

As opções de diversão eram diversas: pista de caminhada, natureza, ar puro e muitos brinquedos garantiram a animação e satisfação das meninas, que já foram ao Parque duas outras vezes este ano, ambas no mês de janeiro.

O Parque da Jaqueira é uma das áreas mais preservadas no Grande Recife e abriga em seu interior a Capela de Nossa Senhora da Conceição, em estilo barroco. O parque é essencial para quem quer manter a forma, quem é adepto a esportes radicais. Possui ainda diversas árvores frutíferas e ornamentais, playground, área verde e vários jardins, que foram bem aproveitados pelas meninas do Ninho.

 
A diversão foi garantida no Parque da Jaqueira.
 
As opções de diversão eram diversas.
19.03.2014

A Casa de Passagem Ana Vasconcelos (CP) e o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) inauguraram, na sexta-feira, dia 05 de julho de 2013, às 14h, um Telecentro no Núcleo da Instituição, no bairro de Peixinhos, em Olinda.

A sala, que foi equipada com 11 computadores doados pelo Serpro, todos funcionando com o Sistema Livre Linux, é aberta ao público e oportunizará pesquisas em estudos e acréscimo profissional para os moradores da comunidade de Peixinhos. “Este telecentro é importante para o desenvolvimento da comunidade, que ainda tem muito a crescer. Ter computadores à disposição ajuda o público a conhecer e lutar por seus direitos”, diz Cristina Mendonça, Gerente Executiva da Casa de Passagem.

Este foi o terceiro telecentro inaugurado fruto da parceria entre a CP e o Serpro. Os dois anteriores foram instalados na Sede do Programa Passagem para a Vida da CP, na Rua do Lima, em Recife e o segundo na comunidade de Paratibe, em Paulista, no núcleo do Projeto Rede Cidadã. Além destes, estão previstas as instalações de mais dois telecentros, sendo um em Moreno e outro em Camaragibe, nas comunidades de Bonança e Tabatinga, respectivamente. Ambos são núcleos do Projeto Rede Cidadã, uma parceria entre a Casa de Passagem Ana Vasconcelos e a União Europeia.

 
Severino Xavier, do Serpro e Cristina Mendonça, da CP, recepcionam os usuários do Telecentro.
 
Severino Xavier instrui usuária dos computadores doados pelo Serviço Federal de Processamento de Dados.
19.03.2014

A lagarta transforma-se em borboleta e encanta a todos com o seu colorido e beleza. Transformar itens que geralmente são jogados fora, tido como lixo, é o dom de Vera Martha Paredes, que, no dia 13 de junho, deu uma oficina de reciclagem às alunas do Curso de Bijuteria, realizado pela Casa de Passagem Ana Vasconcelos, através do Projeto Rede Cidadã, em parceria com a União Europeia.

As alunas da comunidade de Paratibe, em Paulista, têm aulas de bijuterias todas as segundas e quartas pela manhã, mas neste dia foi diferente. Elas aprenderam a fazer brincos e colares com CD´s e garrafas PETI, porta-níquel, carteiras e bolsas com caixas longavida e transformar o descartável em renda. “A reciclagem não é apenas uma possível fonte de renda, mas apresenta também um caminho para a preservação do meio ambiente”, incentiva Gicélia Souza, instrutora do curso de Bijuteria.

O Projeto Rede Cidadã, da Casa de Passagem em parceria com a União Europeia, oferece cursos gratuitos de qualificação profissional, atendimento jurídico e psicológico, oficinas de saúde, além de vários outros benefícios, para a população de comunidades em situação de risco dos municípios de Olinda, Paulista, Camaragibe e Moreno.

 
Alunas transformam caixas LongaVida em bolsas e carteiras.
 
Ao término da oficina, todos comemoram os resultados e agradecem à Vera pelo aprendizado.
19.03.2014

Tomaram posse, no dia 27 de julho de 2013, os 24 novos Conselheiros do Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS) e a coordenadora de Projetos da Casa de Passagem Ana Vasconcelos Jaciara Arruda foi eleita vice-presidente do grupo, que tem a função de elaborar a política de assistência social do município.

Metade dos conselheiros foram escolhidos pela sociedade civil, através de uma votação realizada pela Secretária Municipal de Desenvolvimento social, e a outra metade foi indicada por outras secretarias da prefeitura. O Conselho vai se reunir mensalmente e o mandato dos conselheiros vigora até 2015.

19.03.2014

A Casa de Passagem Ana Vasconcelos participou, na tarde do dia 10 de abril, Dia Nacional de Mobilização contra a Redução da Maioridade Penal, Caminhada e Vigília contra a violência no Sistema Socioeducativo de Pernambuco e contra a Redução da Maioridade Penal, promovida pelo Fórum DCA Pernambuco e Fórum Socioeducativo de Pernambuco.

A concentração foi realizada na Praça Maciel Pinheiro e o roteiro seguiu pela Rua da Imperatriz, sendo encerrado no Pátio do Carmo.

Contexto:

No dia 10/01/12, no Centro de Atendimento Socioeducativo do Cabo de Santo Agostinho, três jovens foram brutalmente espancados, torturados, queimados e, um deles, decapitado no interior daquela Unidade de Internação, durante rebelião. Apesar disso, o Governo do Estado de Pernambuco não tomou nenhuma providência concreta para que a tragédia não se repetisse. Poucos meses depois, em 28/05/12, no Centro de Atendimento Socioeducativo de Abreu e Lima, nova rebelião resultou na morte de mais um adolescente e em ferimentos graves a um Agente Socioeducativo. Infelizmente, as mortes não pararam. No dia 01 de setembro de 2012, novamente no Centro de Atendimento Socioeducativo de Abreu e Lima, mais uma rebelião provocou a morte de um adolescente, que foi queimado e teve os seus pés decepados. Já são cinco mortes dentro dos centros de atendimento socioducativo, no ano de 2012.

 
Jovens da Casa da Casa de Passagem participam de passeata organizada pelo Fórum DCA PE.
 
A passeata foi realizada no Dia Nacional de Mobilização contra a Redução da Maioridade Penal.
19.03.2014

45 meninas. 45 formas diferentes para expressar a felicidade. Esta foi uma das cenas mais vistas no dia 10 de abril de 2013, Dia Nacional da Alegria, quando o público atendido pelo Programa Passagem Para a Vida, da Casa de Passagem Ana Vasconcelos em parceria com a Petrobras, foi ao Mirabilândia passar um dia de alegria.

Este passeio é realizado duas vezes ao ano e proporciona um retorno à infância para as diversas jovens que, por motivos diversos, deixou esta fase de lado em plena adolescência. A CPAV agradece ao Mirabilândia esta oportunidade.

O programa Passagem para a Vida atende crianças e adolescentes de 7 a 17 anos de idade, do sexo feminino, tendo como objetivo promover os direitos de cidadania de crianças e adolescentes, em situação de vulnerabilidade social, buscando como resultado a reestruturação da identidade, à inserção na família, à escola e à comunidade.

 
Meninas do Ninho de Cidadania comemoram Dia Nacional da Alegria no Mirabilândia.
 
O passeio proporcionou proporciona um retorno à infância para diversas jovens
19.03.2014

O último dia do mês de janeiro de 2013 foi de música nordestina para as meninas do Ninho de Cidadania, programa desenvolvido pela Casa de Passagem Ana Vasconcelos em parceria com a Petrobrás. Elas tiveram como programação um passeio ao Memorial Luiz Gonzaga (MLG), um equipamento cultural da Prefeitura do Recife, cujo principal objetivo é preservar e divulgar o maior legado do Rei do Baião, sua obra musical, e tudo o que o envolve.

O acervo atual do MLG foi constituído com a aquisição da coleção de Mávio Holanda, pela Prefeitura da Cidade do Recife, formada por discos raros de 78 rpm, Long Plays, CDs, fotos, impressos, álbuns de recortes, vídeos e arquivos de áudio em formato MP3.

O programa Passagem para a Vida atende crianças e adolescentes de 7 a 17 anos de idade, do sexo feminino, tendo como objetivo promover os direitos de cidadania de crianças e adolescentes, em situação de vulnerabilidade social, buscando como resultado a reestruturação da identidade, à inserção na família, à escola e à comunidade.

 
Meninas do Ninho de Cidadania visitam Memorial Luiz Gonzaga.
 
Xote, Xaxado e Baião no roteiro das Meninas do Ninho de Cidadania.
19.03.2014

Janeiro, como é de costume, é mês de férias. E férias divertida sem Parque da Jaqueira não é a mesma coisa para as meninas do Ninho de Cidadania.

Este ano as jovens da Casa de Passagem Ana Vasconcelos estiveram duas vezes no parque, nos dias 22 e 23 de janeiro.

O Parque da Jaqueira é uma das áreas mais preservadas no Grande Recife. Usado por crianças e adultos para o entretenimento e também a interação com o meio ambiente, o parque foi bem aproveitado – em todos os sentidos – pelas meninas do Ninho. Como sempre acontece, elas se divertiram bastante.

 
Em janeiro as jovens do Ninho de Cidadania estiveram duas vezes no parque.
 
Meninas do Ninho de Cidadania se divertem no Parque da Jaqueira.
19.03.2014

A diversão das férias veio em forma de conhecimento. Isso, porque as meninas do Ninho de Cidadania visitaram, no dia 16 de janeiro, uma exposição de arte que reuniu cerca de 100 obras da ilustradora botânica inglesa, Margaret Mee, no Centro Cultural dos Correios.

Aclamada pelos botânicos e críticos de arte do mundo inteiro, Margaret Mee registrou em suas produções artísticas o que viu nas expedições pela Floresta Amazônica e pela Caatinga pernambucana. As meninas do Ninho ficaram encantadas com o que viram, ao ponto de se sentirem inspiradas para criar obras de arte tão lindas, quanto as que foram vistas na exposição.

Além da mostra de Margaret Mee, as meninas conferiram também uma exposição sobre o Maracatu Rural.

 
Meninas do Ninho de Cidadania conhecem obras de Margaret Mee.
 
A diversão das férias veio em forma de conhecimento em exposição no Centro Cultural dos Correios.
19.03.2014

No mês de fevereiro, os alunos dos cursos de Hotelaria e Qualidade de Vendas e Marketing Pessoal, da Casa de Passagem Ana Vasconcelos em parceria com o Itaú FIES, visitaram o Hotel Amoaras Resort, em Maria Farinha – Paulista.

O Hotel Amoaras Resort é uma reserva de lazer náutico e encontra-se implantado em um jardim tropical de 8000m², junto ao Veneza Water Park, um dos principais parques aquáticos da América do Sul. Na ocasião os jovens conheceram um pouco do funcionamento do hotel e também puderam ver na prática assuntos que aprenderam durante os cursos.

Após a aula prática, os adolescentes aproveitaram a praia, que fica nas imediações das instalações do hotel, onde se divertiram bastante.

 
Jovens passam o dia conhecendo a rotina Holeteira.
 
Jovens vivenciam a experiência de um profissional de Hotelaria
19.03.2014

Todo dia é dia de beleza e toda hora é o momento para exaltar tais formosuras. Seguindo esta ideia, a Casa de Passagem Ana Vasconcelos promoveu nas comunidades de Tabatinga e Paratibe, nos municípios de Camaragibe e Paulista – respectivamente – o Dia da Beleza, onde as mulheres atendidas pela Instituição puderam receber uma produção de princesas.

Na oportunidade, a Instituição firmou parceria com cabeleireiros dos dois municípios, onde eles puderam exercer seus talentos em prol dos moradores de cada comunidade. Os profissionais, além de suas aptidões, disponibilizaram espaço e também produtos para tornar os eventos ainda mais alegres.

O melhor de tudo, é que além do serviço disponibilizado ter sido gratuito e de muita qualidade, os eventos contemplaram também entretenimento e interação entre o público beneficiado e os profissionais.

 
CP realiza Dia da Beleza em Camaragibe e Paulista.
 
Mulheres receberm tratamento em Dia de Beleza
19.03.2014

Chegou ao fim o curso de Hotelaria promovido pela Casa de Passagem Ana Vasconcelos, em parceria com o Itaú FIES. O evento de encerramento da capacitação profissional aconteceu no auditório da Prefeitura de Camaragibe e contou com a presença do secretário de Assistência Social e Direitos Humanos do Município, Eduardo Napoleão.

O encerramento contou também com a presença de alguns pais, que exaltaram a importância de seus filhos participarem do curso de Hotelaria da Casa de Passagem. A mãe do aluno Márcio enfatizou a relevância da capacitação até no ambiente familiar. Além disso, outros participantes, como alunos e professores tiveram falas importantes no evento – tornando a celebração ainda mais bonita.

No total, foram beneficiados 40 adolescentes e jovens de ambos os sexos, de 16 a 24 anos. O curso teve uma carga horária de 320h/aula e levou vários benefícios aos participantes. A Casa de Passagem Ana Vasconcelos espera ao longo de 2013 continuar com a Prefeitura de Camaragibe, trazendo benefícios diversos para a população do município.

 
Alunos recebem certificado por curso realizado.
 
Cerimônia de encerramento do curso de Hotelaria
19.03.2014

Chegou ao fim o curso de Hotelaria promovido pela Casa de Passagem Ana Vasconcelos, em parceria com o Itaú FIES. O evento de encerramento da capacitação profissional aconteceu no auditório da Prefeitura de Camaragibe e contou com a presença do secretário de Assistência Social e Direitos Humanos do Município, Eduardo Napoleão.

O encerramento contou também com a presença de alguns pais, que exaltaram a importância de seus filhos participarem do curso de Hotelaria da Casa de Passagem. A mãe do aluno Márcio enfatizou a relevância da capacitação até no ambiente familiar. Além disso, outros participantes, como alunos e professores tiveram falas importantes no evento – tornando a celebração ainda mais bonita.

No total, foram beneficiados 40 adolescentes e jovens de ambos os sexos, de 16 a 24 anos. O curso teve uma carga horária de 320h/aula e levou vários benefícios aos participantes. A Casa de Passagem Ana Vasconcelos espera ao longo de 2013 continuar com a Prefeitura de Camaragibe, trazendo benefícios diversos para a população do município.

 
Alunos recebem certificado por curso realizado.
 
Cerimônia de encerramento do curso de Hotelaria
19.03.2014

Depois de alguns meses de aulas sobre rotina de profissionais, atividades inerentes à função, abordagens voltada para os diversos tipos de hospedagens e muitos outros assuntos – chega ao fim o curso de Hotelaria em Paratibe. Os participantes receberam certificados de conclusão após realizarem uma atividade de avaliação. Todos tiveram um excelente desempenho.

A Casa de Passagem Ana Vasconcelos, em parceria com a União Europeia, realizou na Escola Padre Osmar Novaes o curso de Hotelaria para cerca de 40 alunos. O objetivo da capacitação foi de profissionalizar adolescentes e jovens para a inserção no mercado de trabalho, já pensando nas oportunidades que surgirão em decorrência dos grandes eventos a serem sediados no Estado de Pernambuco e no Brasil a partir de 2013.

O projeto Rede Cidadã, patrocinado pela União Europeia, objetiva mobilizar a população através do trabalho dentro das comunidades e com as comunidades, possibilitando trazer novos horizontes e garantia de direitos para a população que se encontra em situação de pobreza e vulnerabilidade social nos núcleos comunitários de Camaragibe, Jaboatão dos Guararapes, Paulista e Olinda.

 
Alunos recebem certificado por curso realizado.
 
Alunos participam de atividade de avaliação.
19.03.2014

Sob o clima de confraternizações de final de ano, alunos dos cursos de Hotelaria e Qualidade de Vendas da Casa de Passagem Ana Vasconcelos, em parceria com o Itaú FIES, tiveram uma tarde de muita diversão em uma granja no bairro de Aldeia (Camaragibe).

A confraternização reuniu jovens dos municípios de Moreno e Camaragibe, possibilitando a aproximação dos alunos dos dois municípios e estreitamento dos laços de amizade criados durante os cursos. Além de comidas saborosas, brincadeiras didáticas e muita animação – os adolescentes foram surpreendidos com um divertido banho de piscina, o que se tornou um verdadeiro sucesso na festa.

Já no final do evento, os alunos se reuniram e fizeram uma homenagem aos professores e coordenadores dos cursos. Os jovens tomaram a palavra para agradecer toda a dedicação, carinho e conhecimento passado pelos profissionais envolvidos nas oficinas. O momento foi marcado pelo clima de amizade e respeito existente entre os adolescentes e os colaboradores da Casa de Passagem.

 
Alunos e professores realizam corrente para agradecer o dever cumprido.
 
Alunos encerram curso de Hotelaria e Qualidade de Vendas com confraternização em Aldeia.
19.03.2014

No domingo, dia 10 de março, a Casa de Passagem Ana Vasconcelos participou da 6ª caminhada “Camaragibe Diz Não à Violência Contra a Mulher”. O evento aconteceu no bairro de Tabatinga e chamou a atenção da população local.

Com o objetivo de conscientizar os moradores da região sobre o problema da violência contra a mulher, o Clube das Mães de Tabatinga realizou este evento. A caminhada contou também com a presença da primeira dama da cidade, Hélida Soares e da gerente executiva da Casa de Passagem, Cristina Mendonça.

A marcha teve início no terminal de ônibus do bairro, seguiu percurso pela Faculdade de Odontologia de Pernambuco (FOP) e de lá finalizou o trajeto na Escola Professor Nelson Chaves, onde aconteceu um café da manhã para todos os participantes.

A caminhada fez parte das homenagens ao Dia Internacional da Mulher, comemorado no dia 08 de março. O evento aconteceu no bairro de tabatinga não ao acaso, a região apresenta um número significativo de violência contra a mulher.

 
Camaragibe pede paz.
 
Casa de Passagem participa de passeata pela não violência .
19.03.2014

Uma segunda-feira para ficar na memória dos alunos de Hotelaria e Qualidade de Vendas do programa Iniciação ao trabalho, em parceria com o Itaú FIES. Assim foi o dia 14 de janeiro dos jovens participantes dos cursos promovidos pela Casa de Passagem Ana Vasconcelos. Os beneficiários das duas turmas puderam conhecer de perto o Complexo Industrial Portuário de SUAPE e como funcionam as atividades no local.

Durante a visita, os jovens tiveram uma palestra, através da qual puderam entender como acontecem os trabalhos em SUAPE e a importância deste pólo de investimento para o estado de Pernambuco. Os alunos ficaram a vontades para fazer perguntas aos palestrantes e responder questionamentos durante todo o evento.

Após a palestra, os estudantes seguiram de ônibus por todo o Complexo Portuário, conhecendo de perto algumas indústrias instaladas no local. Além disso, os jovens também foram levados para locais de preservação ambiental de SUAPE.

Em meio à euforia de conhecer o Complexo, os alunos ficaram empolgados com a possibilidade de muitos deles trabalharem lá futuramente. Para isso, eles exaltaram a importância de fazer parte dos cursos promovidos pela Casa de Passagem em parceria com o Itaú FIES.

 
Alunos conhecem locais de preservação ambiental.
 
Alunos do Iniciação ao Trabalho visitam Porto de Suape
19.03.2014

Na manhã de uma quinta-feira, 21 de março, os representantes do Serviço Federal de Processamento de Dados (SERPRO), Xavier e Valéria Araújo, Chefes do Setor de Inclusão Digital SERPRO, estiveram presentes na sede do Programa Passagem para a Vida, com a finalidade de inaugurar um Telecentro comunitário no espaço. Este núcleo digital foi o primeiro a ser implantado dos cinco doados para a Casa de Passagem Ana Vasconcelos.

Esta parceria é de grande importância para a instituição, pois com ela a ONG vai ampliar o atendimento ao público beneficiário, através da inclusão digital com aulas de informática para adolescentes, jovens e mulheres. Além deste telecentro, outros quatro ainda serão inaugurados, onde cada um receberá 11 computadores, totalizando 55 máquinas doadas, todas operando com sistema livre (Linux).

“Esta parceria, não apenas renova a estrutura operacional dos núcleos de informática, como também estimula ainda mais as meninas a continuarem as atividades no laboratório. Além de facilitar o acesso delas à informação”, falou a Coordenadora do Programa Passagem para a Vida, da Casa de Passagem, Maria Auxiliadora.

 
A parceria é de grande importância para otimizar o atendimento oferecido pela Instituição
 
Com o espaço as meninas também encontram mais conforto para fazerem suas pesquisas
19.03.2014

Mais uma Sala Futura foi inaugurada e, desta vez, a Comunidade de Chão de Estrelas, em Recife, foi o local escolhido. No dia 31 de outubro, a Casa de Passagem Ana Vasconcelos (CP) e o Canal Futura iniciaram as atividades no Centro Comunitário Chão de Estrelas.

A Sala, que é uma videoteca, tem por objetivo disponibilizar material audiovisual para atender as redes de enfrentamento à exploração sexual infantil e dar suporte às ações realizadas na luta pelos direitos de crianças e adolescentes. Na unidade de Chão de Estrelas, o foco será cultura, direitos humanos, educação e cidadania, com o objetivo de fornecer ferramentas para o desenvolvimento local. O acesso é livre e gratuito.

"A proposta é atender crianças e adolescentes em situação de alto risco, de exploração sexual e também jovens na perspectiva de inclusão no primeiro emprego. Através do lúdico, da imagem, o jovem vai se motivar para melhorar seu conhecimento", diz a gerente executiva da Casa de Passagem, Cristina Mendonça.

 
Cristina Mendonça, da Casa de Passagem, e Cinthia Sarinho, do Canal Futura, apresentam a Sala Futura em Chão de Estrelas
 
Na inauguração do espaço, aconteceu uma apresentação musical com instrumentos de material reciclado
19.03.2014

A Gerente executiva da Casa de Passagem Ana Vasconcelos, Maria Cristina Mendonça, tomou posse, no dia 08 de novembro de 2012, enquanto Conselheira do Conselho Estadual de Assistência Social de Pernambuco (CEAS), para o biênio 2012-2014.

Na ocasião, Cristina recebeu o diploma de Conselheira e exercerá, durante o período designado, a função pública de membro do Ceas. Ao todo, 32 novos integrantes assumiram cadeiras no CEAS, entre titulares e suplentes.

A cerimônia foi realizada no auditório da Secretaria de Defesa Social e foi presidida pela secretária da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SEDSDH), Laura Gomes. Os novos conselheiros fazem parte de organismos governamentais, como as secretarias de Saúde, Planejamento e Gestão, Fazenda, Educação, e não governamentais, como conselhos de classe, entidades socioassistenciais, entre outros.

As principais atribuições dos novos integrantes são regular a prestação de serviços de natureza pública e privada no campo da Assistência Social; apreciar e aprovar a proposta orçamentária de Assistência Social; estabelecer diretrizes, aprovar os programas anuais e plurianuais do Fundo Estadual de Assistência Social; aprovar critérios de transferência de recursos para os municípios; além de convocar a cada dois anos a Conferência Estadual de Assistência Social.

Estar conselheira do Ceas é muito gratificante. Vou seguir nesta gestão perseguindo o objetivo do Conselho, que é mudar a realidade social de muitos pernambucanos e pernambucanas. Não podemos e não vamos deixar de lado esse compromisso”, diz Cristina, honrada com a nomeação.

19.03.2014

Um dia de música, dança, apresentação teatral, explanação e, principalmente, conscientização a respeito da preservação do meio ambiente. Assim foi o dia 22 de novembro de 2012, durante a Feira de Educação em Saúde, realizada pela Casa de Passagem Ana Vasconcelos (CP) em parceria com o Movimento Integrado de Profissionais de Saúde (MIP), com o apoio da Prefeitura do Recife, no Parque 13 de Maio.

Durante todo o dia, diversas crianças, adolescentes e jovens estiveram em 45 stands trocando informações sobre possibilidade de preservação da água, solo, árvores, enfim, todo o ambiente em que vivemos. A Feira, que teve como tema a Sustentabilidade ambiental, culminou com uma caminhada em direção ao Ministério Público de Pernambuco, na Av. Visconde Suassuna, para a entrega de um documento elaborado pelos jovens, no qual constava o contexto da ação e solicitações direcionadas ao Governo de Pernambuco, sugerindo alternativas de preservação.

“É muito bom ter vocês aqui, hoje, na 17ª Feira de Saúde. Estamos reunidos mais um ano para conscientização e, este ano, o tema é sustentabilidade ambiental. Sejam bem vindos e aproveitem cada informação que puderem ter nos stands. Obrigada pela presença de todos e aproveitem o dia, que será repleto de informações, e apresentações culturais com o pessoal de Recife, Camaragibe, Moreno, Olinda e Paulista que já vem em parceria conosco há tempo”, diz Cristina Mendonça, dando as boas vindas, na abertura do evento.

Para os jovens representantes do Blog Juventude Conectada, da Auçuba, a conscientização é prioritária. “O mais importante é passarmos as informações, darmos o exemplo, não é só fazermos o nosso e pronto. O mais importante é a conscientização, é a juventude conectada, em primeiro lugar”, diz Scheylla Guthemberg, fazendo alusão ao nome do blog que representa.

Além das informações, na feira de Saúde puderam ser vistos materiais feitos com produtos que geralmente é descartado, como um doce da casca do maracujá, que agradou o paladar dos que experimentaram a iguaria. Além dele, as quituteiras fazem, diversas comidas com as partes das frutas que são desprezadas. Elas aprenderam a aproveitar cada parte do que é oferecido pela natureza.

Produtos de limpeza, como detergente e sabão em barra feitos com óleo de fritura também causou a admiração aos presentes. Garrafas pet transformadas em decoração e jarro para flores também foram vistas, entre os itens reciclados. Adolescentes e jovens falavam com propriedade sobre a importância da limpeza das águas, saneamento, recolhimento do lixo e coleta seletiva. Todos estes assuntos foram trabalhados anteriormente, nas atividades realizadas através dos Programas Passagem para a Vida, Comunidade e Cidadania e Iniciação ao trabalho, desenvolvidos pela CP.

o término da Feira, os participantes se reuniram para a caminhada, que seguiu para o MP. Lá chegando, quatro adolescentes representaram todo o grupo e foram entregar a Carta elaborada pelos jovens ao Promotor de Meio Ambiente de plantão.

 
Feira de Educação em Saúde foi realizada no Parque 13 de Maio e teve como tema a Sustentabilidade Ambiental
 
Comissão de jovens entregou a carta da Juventude no Ministério Público de Pernambuco
19.03.2014

Sustentabilidade Ambiental. Este foi o tema do XIV Fórum da Juventude, realizado pela Casa de Passagem Ana Vasconcelos, na Universidade Católica de Pernambuco, no dia 19 de outubro de 2012, e trouxe para cada participante a reflexão sobre o futuro do planeta e como os seres humanos podem cuidar melhor uns dos outros e do ambiente em que vivem.

Durante todo o dia muita animação e conscientização acerca do tema. Apresentações de dança, teatro, música e vídeo foram vistos e, ao término de cada encenação, aplausos e vibrações, o que encantou os palestrantes: “O que mais gostei aqui foi a competição de gritos das comunidades. Vocês são o futuro do planeta e é bom vê-los empolgados neste evento”, comentou o professor Humberto Miranda, que falou, em sua palestra, sobre os oito objetivos do milênio, elencados pela ONU, sendo o sétimo, o tema do Fórum.

A sustentabilidade também tange a questão do consumismo, tema foco de outro palestrante: Romero Maia, que trouxe aos jovens a relação entre a necessidade e o desejo. “Nós precisamos do necessário, que é a água, os alimentos, mas podemos controlar nossos desejos e é neste ponto que entramos na questão do consumo consciente”, enfatiza Romero, que é um estudioso da juventude e tem grande interesse pelos futuros heróis do planeta.

Já a terceira palestrante, Nara Correa, falou sobre o dia a dia sustentável e mostrou alguns exemplos de atitudes que podemos adotar em nossa rotina diária para contribuirmos com a preservação do planeta.

No período da tarde, foram apresentados os resumos dos míni fóruns realizados em Camaragibe, Moreno, Olinda e Paulista, nos quais os jovens foram sensibilizados a pensar sobre sustentabilidade e as possíveis ações que causam a degradação do meio ambiente e de que forma eles podem ajudar a solucionar essas questões. Nesses mini fóruns aconteceram palestras com especialistas no assunto, apresentações culturais dos adolescentes e mostra de vídeos sobre o tema.

 
Alunos levaram faixas e pintaram rosto para mandar mensagens de preservação ambiental
 
Palestrantes e representantes da Casa de Passagem falaram sobre Sustentabilidade Ambiental
19.03.2014

A Casa de Passagem Ana Vasconcelos ganhou mais um prêmio em reconhecimento aos trabalhos prestados no resgate da cidadania de jovens e mulheres no Recife e Região Metropolitana. Dessa vez a premiação foi concedida pelo Fundo Itaú Excelência Social (FIES), em São Paulo. Além da Casa, outra importante Instituição pernambucana estava entre as contempladas, o Movimento de Apoio aos Meninos de Rua (MAMER).

Criado em 2004, o FIES é um fundo que aplica seus recursos em ações de empresas socialmente responsáveis, visando contribuir para a melhoria da qualidade da educação no Brasil. Organizações não governamentais que trabalham com os eixos de Educação Infantil, Educação para o Trabalho e Educação Ambiental são beneficiadas com 50% da taxa de administração do Fundo. O que possibilita a estas Instituições uma continuidade, renovação e criação de projetos educacionais e empregatícios, principalmente para os jovens.

A Casa de Passagem e o MAMER conseguiram se destacar entre mais de 1000 Instituições inscritas de todo o país e foram selecionadas entre 20 finalistas. Tanto a Casa quanto o MAMER foram contempladas na categoria Educação para o Trabalho que trata da capacitação de adolescentes e jovens de até 24 anos para a profissionalização e inserção no mercado de trabalho.

De 2004 até o final de 2011, o FIES atendeu programas sociais de 97 ONGs, investindo na formação de 18.467 crianças, adolescentes e jovens, além de 1.713 educadores. Nesse período, também contribuiu para a criação de uma rede social, estimulando uma constante troca de conhecimento. Em 2011 o FIES incorporou os fundos Unibanco Private Social e Unibanco Multigestor Social II, que desde a sua criação em 2002 já arrecadaram mais de R$ 2,2 milhões, beneficiando crianças e jovens assistidos por organizações não governamentais.

 
Cerimônia de premiação do Prêmio Itaú FIES 2011
 

Cristina Mendonça e Jaciara Arruda, em São Paulo, para receber o Prêmio

19.03.2014

Jovens que participam da Casa de Passagem realizam hoje, a partir das 15h, uma caminhada do Parque 13 de Maio até o Ministério Público, para entregar uma carta com propostas de combate ao racismo e à degradação ambiental.  O documento foi elaborado no 13º Fórum da Juventude, realizado no dia 05/11, por jovens de Recife, Olinda, Jaboatão, Camaragibe e Moreno. O evento acontece na semana da Consciência Negra comemorada no último dia 20.

Na quinta-feira (24), será realizada a 16ª Feira de Educação em Saúde, no Parque 13 de Maio, a partir das 8h, com o tema: “Diga não ao racismo e às violações ambientais”. Os adolescentes e jovens vão repassar informações em 80 stands para alunos de escolas públicas sobre discriminação racial, homofobia, preservação ambiental, favela e bullying.

O evento também vai contar com a participação das meninas do projeto Ninho de Cidadania, que lançam a campanha “Vamos proteger o nosso planeta”, distribuindo cartilhas sobre o meio ambiente para o público infanto-juvenil. Elas foram conscientizadas sobre os cuidados com o meio ambiente e participaram de oficinas de ecodesign, aprendendo a transformar materiais recicláveis em artesanato.

Esta iniciativa é uma parceria entre a Casa de Passagem, Movimento Integrado de Profissionais de Saúde (MIP), Petrobras, Governo Federal, União Europeia, Prefeitura do Recife, Futura e Misereor.

Contexto Social

O Censo 2010 apurou que, dos 16 milhões de brasileiros vivendo em extrema pobreza (ou com até R$ 70 mensais), 4,2 milhões são brancos e 11,5 milhões são pardos ou pretos. De acordo com pesquisa do IBGE divulgada em julho de 2011, as diferenças raciais ou de cor influenciam em aspectos como acesso a trabalho (71%), relação com justiça/polícia (68,3%) e convívio social (65%).

 
O auditório da UNICAP ficou completamente cheio durante o XIII Fórum da Juventude para discutir políticas públicas
 
Um dos convidados do evento foi o advogado Aldemar Santos que falou sobre o racismo
19.03.2014

O impacto ambiental das grandes obras em Pernambuco e a violência contra a juventude negra no estado marcam o 13º Fórum da Juventude, realizado pela Casa de Passagem e pelo Movimento Integrado de Profissionais de Saúde (MIP), que vai reunir centenas de adolescentes e jovens, na Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP), para debater políticas públicas no próximo sábado (05). Com o tema “Diga não ao racismo e às violações ambientais”, o Fórum é um espaço de diálogo que conta com a participação de representantes de Recife, Olinda, Jaboatão, Paulista, Camaragibe e Moreno. No local, também serão realizadas apresentações de teatro, dança afro, jogral, free steprap e palestras com membros da sociedade civil.


A proposta do evento é formular a Carta da Juventude, um documento com políticas públicas na área do racismo ambiental, que se refere a injustiças socioambientais que prejudicam populações mais vulneráveis. A Carta será entregue ao governador de Pernambuco, Eduardo Campos, em uma grande caminhada a ser realizada pelo centro do Recife até o Palácio do Governo, no final do mês. Além de valorizar o protagonismo dos jovens, que participam ativamente de todo o evento, este espaço dá prioridade à formulação de políticas para a melhoria das suas comunidades.


A preparação para o Fórum foi realizada ao longo do ano através de Minifóruns realizados nas comunidades de Bultrins, Tabatinga, Arthur Lundgreen II, Bonança, Planeta dos Macacos, Dois Unidos, Mangueira, São José do Coque, Alto da Bondade, Nova Descoberta, Chão de Estrelas e Chico Mendes. Os adolescentes e jovens desses locais se reuniram para debater sobre discriminação racial, homofobia, preservação ambiental, favela e bullying, trabalhando a temática de acordo com a sua realidade. Este ano o Fórum da Juventude conta com o apoio da Uniao Europeia, Misereor, Petrobras, Cese, Canal Futura, UNICAP, Refrigerantes Schincariol, MCL Brindes, Itamaracá Transportes, Metropolitana Pernambuco, Empresa de Ônibus Caxangá, Amidogibe, Pipocas Bokus, Polpas Flesh Fruit e Secretaria de Assistência Social de Moreno.

 

Contexto Social da Juventude Negra


Segundo o IPEA (Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas), as maiores vítimas da violência urbana, alvos principais dos homicídios e dos excessos cometidos por policiais, são os jovens negros. Eles figuram no topo do ranking daqueles que enfrentam o desemprego ou recebem os salários mais baixos; dos que têm um menor acesso à alfabetização e, conseqüentemente, possuem uma grande defasagem escolar e abandonam os estudos mais cedo. De acordo com dados recentes, o país conta com cerca de 11,5 milhões de jovens negros, com idade entre 18 a 24 anos, o que representa 6,6% da população brasileira. A taxa de analfabeismo, de 5,8%, é três vezes maior do que a dos jovens brancos (1,9%) – enquanto estes estudam, em média, 9,4 anos, os jovens negros estudam cerca de 7,5 anos. E as desigualdades vão se acirrando à medida que aumentam os níveis educacionais.

Serviço: 13º Fórum da Juventude
Local: Universidade Católica de Pernambuco – Bloco G – Auditório G2
Endereço: Rua do Príncipe, 643 – Boa Vista – Recife/PE

Horário: 8h - 16h30

19.03.2014

A superação das crianças e adolescentes atendidas no projeto Ninho de Cidadania, da Casa de Passagem, pode ser conferida na apresentação de dança, ginástica rítmica e exposição de pintura que será realizada na escola Dom Carlos Coelho, em Campo Grande, na próxima quarta-feira (26). A arte é fundamental neste processo de resgate social, e as meninas superam suas dificuldades através da valorização da auto-estima e da descoberta de novas habilidades que elas não imaginavam possuir.
A aluna de Ginástica Rítmica D.H., 10 anos, diz que gosta muito de participar das aulas por causa dos exercícios realizados: alongamentos, saltos e os usos dos aparelhos. “Antes meu comportamento era ruim, mas melhorou e eu quero passar para o grupo de apresentação”. Outra participante, D.M., 13 anos, acrescenta: “Eu gosto de tudo da aula e meu sonho é ser professora de ginástica”.
O projeto Ninho de Cidadania é patrocinado pela Petrobras e tem como objetivo melhorar as condições de vida de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade, além de promover o protagonismo dessas jovens através de ações sociais. Atendimento psicossocial em saúde física e familiar, inclusão escolar e digital, desenvolvimento de habilidades artísticas, educação ambiental e estímulo ao protagonismo infanto-juvenil são algumas das atividades realizadas.

Serviço: Apresentação das Meninas da Casa de Passagem
Data: 26/10/11 – 9h
Local: Escola Dom Carlos Coelho (R Marechal Deodoro, 626 - Campo Grande, Recife)

Informações: 3423-3839

 
As meninas durante a Ofinica de Pintura
 
A arte favorece a auto-estima e descobre talentos
19.03.2014

Acontece na próxima quarta-feira (05) de outubro, às 14h, o Minifórum da Juventude, na escola Eraldo Gueiros Leite, em Arthur Lundgren II (Paulista). Realizada por jovens e mulheres capacitados pelo projeto Rede Cidadã, da Casa de Passagem, esta iniciativa é uma preparação para o XIII Fórum da Juventude, cujo tema será o Racismo Ambiental, que se refere a injustiças sociais e ambientais que afetem ou prejudiquem etnias e populações mais vulneráveis.

O evento está sendo organizado pelos moradores da comunidade e contará com apresentações de dança, teatro, palestras sobre o tema e a formulação de políticas públicas que irão compor a Carta da Juventude, a ser entregue ao governador de Pernambuco, Eduardo Campos, através de uma grande caminhada pelo centro do Recife.   

Além de Paulista, os Minifóruns estão sendo realizados em Olinda, Camaragibe, Moreno e também em algumas localidades do Recife, como: São José do Coque, Mangueira, Coque e Planeta dos Macacos.

O Projeto

O Projeto Rede Cidadã, promovido pela Casa de Passagem com apoio da União Europeia, pretende promover a melhoria da qualidade de vida de crianças, adolescentes, jovens e mulheres em situação de vulnerabilidade social, de comunidades de baixa renda da Região Metropolitana do Recife. O projeto iniciou sua atuação em 2010 e desenvolve suas atividades em núcleos comunitários localizados nos municípios de Moreno, Camaragibe, Olinda e Paulista.

O núcleo de Paulista está localizado em Arthur Lundgren II e oferece serviços gratuitos de atendimento jurídico e psicológico, assistência social e cursos de formação e capacitação como os de Promotoras Legais Populares e o de Adolescentes Multiplicadores de Informações, além de cursos de qualificação profissional para adolescentes e mulheres de segunda a sexta-feira, por meio de uma equipe interdisciplinar: psicólogo, assistente social, advogado e educadora social.

 
Minifórum realizado na Escola Argentino Castelo Branco, em Bultrins
 
O pátio da Escola Argentino Castelo Branco, em Bultrins, ficou tomado pelos jovens
19.03.2014

Os jovens e mulheres beneficiados pelo projeto Rede Cidadã, com apoio da União Europeia, tiveram diversas palestras sobre cuidados com a saúde atráves de enfermeiras que participam do projeto. Entre as temáticas encontram-se: prevenção de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs) e AIDS, combate à dengue, cuidados com o corpo e higiene, doenças hídricas, dentre outras.
      
A participação do público é muito importante nestas ações, pois é através das suas perguntas que o palestrante adequa o assunto à realidade local, utilizando uma linguagem que se identifica com as expressões utilizadas pelos moradores das comunidades. E para aqueles que têm dúvidas, mas não se sentem à vontade para falar em público, é aberto um espaço de conversa com as profissionais que vão aos núcleos.

 
Jovens durante a palestra sobre DST e AIDS em Bonança
 
Palestra sobre métodos contraceptivos em Bultrins
19.03.2014

Aconteceu no dia 06 de setembro a formatura do Curso de Promotoras Legais e do Curso de Formação para Adolescentes Multiplicadores de Informações (AMI), do Projeto Rede Cidadã, realizado pela Casa de Passagem com apoio da União Europeia. O evento foi realizado no Sítio Bangüê, localizado no Km 3,5 da estrada de Aldeia, e o grupo terá a missão de atuar na solução de conflitos e transmitir conhecimento para jovens de comunidades carentes de Camaragibe.
      
O Curso de Formação para Adolescentes Multiplicadores de Informações (AMI) tem como objetivo capacitar os participantes com temáticas atuais relacionadas a diversos assuntos, como cidadania, meio ambiente, sexualidade, direitos humanos e outros. Com isso, esses jovens passam a transformar informações em conhecimentos e atitudes, passam a ter uma visão de mundo mais crítica e ampliada, despertando o interesse para os estudos e se afastando cada vez mais das drogas. Assim, os jovens se transformam em bons exemplos em suas comunidades. O curso ocorre duas vezes ao ano e tem carga horária de 64 horas, sendo um encontro semanal de 4 horas.

Já no Curso de Promotoras Legais, as mulheres aprendem com um advogado técnicas de mediação de conflito, lei Maria da Penha, Estatuto da Criança e do Adolescente, direitos da família e direitos sociais. Além disso, as participantes são responsáveis por mediar conflitos e orientar juridicamente vítimas de violência. 

O Projeto Rede Cidadã pretende promover a melhoria da qualidade de vida de crianças, adolescentes, jovens e mulheres em situação de vulnerabilidade social de comunidades pobres da Região Metropolitana do Recife. Além de Camaragibe, o projeto desenvolve suas atividades em Olinda, Paulista e Moreno. Entre os serviços prestados, estão oficinas de saúde, educação, assistências psicossocial e preservação ambiental, iniciativas empreendedoras, capacitação técnica de jovens de baixa renda e mulheres chefes de família, garantia de direitos e políticas públicas para crianças, jovens e adolescentes através de ações de advocacy.

 
Adolescentes Multiplicadores de Informações (AMI) sendo capacitados sobre métodos contraceptivos
 
Mulheres do Núcleo de Tabatinga durante o curso das Promotoras Legais
19.03.2014

A capacitação das Mulheres de Santo Amaro Tecendo Cidadania teve seu encerramento no dia 17 de junho, com um grande almoço realizado no programa Iniciação ao Trabalho. O projeto teve apoio do Instituto Walmart e qualificou um grupo de quarenta mulheres em técnicas de corte e costura, modelagem e aulas de associativismo e cooperativismo, que proporcionaram a criação da Associação Ciranda de Sonhos e de diversos produtos, como: bolsas, necessaires, almofadas, aventais, pesos de porta e outros.
      
O grupo recebeu diversas encomendas e precisou acelerar o ritmo dos trabalhos, para poder participar da XII Fenearte, em julho. Elas também se reuniram com as mulheres da Bomba do Hemetério e com a equipe do Instituto Walmart, representada pelo seu diretor, Paulo Mindlim, que também apoia um grupo de artesãs da comunidade. Ao final do projeto será lançado um catálogo com fotos dos principais artigos confeccionados pelo grupo.

 
O Diretor do Instituto Walmart, Paulo Mindlim (à dir.) no encontro com as mulheres
 
Todo o material produzido pelas mulheres fará parte de um catálogo para divulgação do trabalho das artesãs
19.03.2014

A importância da atuação em prol da mulher e o impacto social das ações em favor das causas femininas foram os principais critérios usados pelos estados para definir os homenageados pela Medalha Ruth Cardoso, que foi entregue no dia 28 de maio, no Centro de Convenções Brasil 21, em Brasília. 

A Casa de Passagem foi indicada ao prêmio pela ex-deputada Terezinha Nunes, que há muito tempo acompanha o trabalho de resgate social de crianças, adolescentes, jovens e famílias realizado pela instituição, desde 1989.   Apesar de ter sido criada em 2009, esta é a primeira vez que a condecoração é concedida.

A medalha será entregue a cada dois anos para relembrar o legado da professora que criou e presidiu o programa Comunidade Solidária, de combate à exclusão social e à pobreza. A condecoração foi criada pela resolução nº 5, de 03 de junho de 2009, com o objetivo de homenagear pessoas e entidades que tenham se notabilizado pela criação ou implementação de ações em duas frentes em que Ruth Cardoso teve atuação relevante, a saber:

1) ações em benefício do avanço da luta das mulheres pela igualdade de gênero, pelo combate à violência e à discriminação contra as mulheres e por uma maior participação das mulheres nas esferas de poder e decisão;

2) ações que tenham por meta a diminuição das desigualdades, a propagação do conhecimento, o desenvolvimento sustentável e a abertura de oportunidades de crescimento e autonomia para comunidades pobres.

Na ocasião, a presidente da ONG Casa de Passagem, Graça Pires, representou a instituição e fez contato com outros homenageados pelo prêmio. Além da instituição pernambucana, outras 12 pessoas e entidades de outros estados foram lembradas, sendo a Casa de Passagem a representante de Pernambuco.

 
Medalha Ruth Cardoso, prêmio recebido pela Casa de Passagem
 
Graça Pires (à direita) em Brasília.
19.03.2014

O objetivo da Sala é disponibilizar material audiovisual para atender as redes de enfrentamento à exploração sexual infantil do Nordeste e dar suporte às ações realizadas na luta pelos direitos de crianças e adolescentes. Além dessas redes, a Sala Futura é um local para fornecer informações às comunidades, escolas e universidades.

As instituições que mantêm trabalhos de proteção à juventude podem visitar o espaço nas segundas, quartas e sextas-feiras, e fazer cópias digitais gratuitamente do acervo do Canal Futura. "A proposta é atender crianças e adolescentes em situação de alto risco, de exploração sexual e também jovens na perspectiva de inclusão no primeiro emprego. Através do lúdico, da imagem, o jovem vai se motivar para melhorar seu conhecimento", diz a gerente executiva da Casa de Passagem, Cristina Mendonça.

A Sala foi inaugurada em março e funciona na Rua Treze de Maio, 55, Santo Amaro e o projeto é uma parceria do Canal Futura com a Casa de Passagem.

 

 
Público confere o material audiovisual da Sala Futura
 
Cinthia Sarinho, representante do Canal Futura em Recife, apresentando o espaço

 

19.03.2014

As crianças da comunidade de Tabatinga, em Camaragibe, ganharam uma biblioteca infantil.  Ela funciona no núcleo comunitário do Projeto Rede Cidadã com livros doados pelos moradores e pelas entidades parceiras da biblioteca: a Casa de Passagem, a União Europeia, o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e a Prefeitura de Camaragibe.

O espaço abre de segunda à sexta-feira e tem uma educadora pedagógica que atende crianças com idades entre seis e doze anos. O acesso ao material da biblioteca para leituras e alfabetização é gratuito. O objetivo é melhorar a qualidade de vida de 4 mil crianças, adolescentes, jovens e mulheres em situação de vulnerabilidade social de comunidades pobres da Região Metropolitana do Recife (RMR).

O núcleo comunitário de Tabatinga funciona desde o início de 2010 através do Projeto Rede Cidadã, parceria entre a Casa de Passagem e a União Europeia. Os núcleos comunitários oferecem serviços gratuitos de atendimentos jurídico e psicológico, assistência social e cursos de formação e capacitação política como os de Promotoras Legais Populares (para mulheres) e o de Adolescentes Multiplicadores de Informações (para adolescentes), e cursos de qualificação profissional para adolescentes e mulheres de segunda a sexta-feira, das 13h às 17h por meio de uma equipe interdisciplinar: psicólogo, assistente social, advogado e educadora social. A partir de amanhã a biblioteca infantil também fará parte das atividades do núcleo comunitário de Tabatinga.

 
O objetivo biblioteca infantil é ajudar o desenvolvimento da leitura e da alfabetização das crianças de Camaragibe
 
Todo o material disponível na biblioteca é gratuito ao público
19.03.2014

No dia 18 de fevereiro, a embaixadora dos Estados Unidos para Assuntos Globais da Mulher, Melanne Verveer, participou de uma reunião com o governador Eduardo Campos para conhecer ações que envolvem os direitos das mulheres no estado. Depois desse compromisso, Melanne esteve na Casa de Passagem para conhecer o trabalho desenvolvido pela instituição com mulheres de comunidades de baixa renda através de cursos de qualificação profissional.

Verveer coordena as atividades relacionadas com o progresso político, econômico e social de mulheres em todo o mundo para garantir que os direitos das mulheres sejam integrados aos direitos humanos no desenvolvimento da política externa dos EUA.

 
A embaixadora, Melanne Verveer (ao centro de paletó branco), é recebida com aplausos na Casa de Passagem
 
Grupo de jovens canta música sobre superação na visita da embaixadora
19.03.2014

Sessenta jovens e adolescentes participaram, no dia 28 de janeiro, da conclusão do curso de Marketing, Vendas e Empreendedorism do projeto Geração de Renda e Cidadania, uma parceria entre a ONG Casa de Passagem e  o Instituto Carrefour. A cerimônia aconteceu no auditório da Faculdade de Enfermagem Nossa Senhora das Graças (FENSG), no bairro de Santo Amaro.

Os concluintes apresentaram os produtos confeccionados durante o ano de 2010 na temática de Ecodesign e receberam os certificados de conclusão do curso. O Projeto Geração de Renda e Cidadania tem como objetivo preparar adolescentes e jovens para o mercado de trabalho,  promover a inclusão digital de jovens a partir de curso de informática, envolvendo Word, Excel, Internet, Windows e Power Point; incentivar a responsabilidade socioambiental  através da oficina de Ecodesign; promover atendimento psicosocioeducativo através de escuta de apoio, terapia familiar sistêmica, terapia comunitária e oficinas de Matemática e produção de texto.

 
A formatura contou com momentos emocionantes lembrados pelos alunos
 
Formandos exibem os certificados do curso Marketing, Vendas e Empreendedorism
19.03.2014

A Casa de Passagem realizou em janeiro o seminário de apresentação e abertura do Projeto Ninho de Cidadania, que é apoiado pela Petrobras. O evento contou com a participação das meninas beneficiadas, familiares, autoridades, conselheiros, representantes de entidades civis e da imprensa, além disso, teve apresentações de dança, ginástica rítmica e coffee break para os convidados.

O Ninho de Cidadania tem duração de 24 meses e atenderá diretamente 260 crianças e adolescentes com idade entre 7 e 17 anos, do sexo feminino, em situação de pobreza, violência doméstica e/ou sexual, que moram em comunidades de alta vulnerabilidade social do Recife. O objetivo é melhorar as condições de vida dessas jovens oferecendo serviços de atendimento psicossocial, inclusão escolar e digital, desenvolvimento de habilidades artísticas, educação ambiental e de estímulo ao protagonismo infanto-juvenil.

Todas as atividades acontecem no programa Passagem Para a Vida, de segunda à sexta-feira, das 8h às 12h, onde as meninas recebem refeição diária, kit com produtos de higiene pessoal e vale-transportes. Além disso, participam de escutas de apoio, grupos operativos, visitas domiciliares, encaminhamentos à rede pública de saúde, à rede socioassistencial e à matrícula escolar, oficinas de saúde, ginástica rítmica, informática, dança popular, pintura, educação ambiental, eco-design e alimentação alternativa.

A equipe técnica do Ninho de Cidadania é formada por profissionais de diversas áreas como assistentes sociais, psicólogos, pedagogos, artistas plásticos, jornalista, publicitário, sociólogo, bibliotecária, enfermeiro, nutricionista, professores de ginástica rítmica, de dança popular e informática, entre outros.

Os convidades assistem a palestra sobre o Projeto Ninho de Cidadania
As meninas apresentam a dança maculelê na cerimônia de abertura
O Projeto Ninho de Cidadania foi selecionado entre 5.138 inscritos

Esse Projeto foi escolhido e aprovado na Seleção Pública de Projetos 2010 do Programa Petrobras Desenvolvimento & Cidadania. O Ninho de Cidadania tem a parceria da OAK Foundation e da Prefeitura do Recife.

19.03.2014

O curso Adolescentes Multiplicadores em Direitos Humanos, realizado pela organização não governamental Casa de Passagem, foi um dos representantes de Pernambuco na feira do Observatório de Boas práticas e Projetos Inovadores em Direitos da Criança e do Adolescente. O evento aconteceu nos dias 6, 7 e 8 no Centro de Treinamentos e Eventos - Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio (CNTC), em Brasília (DF).

Através desse curso, a Casa de Passagem formou 53 adolescentes das comunidades do Recife e Região Metropolitana (RMR) para atuarem na garantia e defesa dos Direitos Humanos em qualquer espaço social que estejam inseridos. Esses jovens foram capacitados para repassar informações sobre diversidade de gênero, orientação sexual, raça e etnia, Direitos, ética, mídia, sistema penitenciário e violências contra crianças e adolescentes.

Como atividades de extensão do curso, o grupo fez caminhadas pelo centro do Recife pedindo políticas públicas à juventude, conheceu os centros de atendimentos e unidades prisionais da cidade, visitou as instalações de alguns veículos de comunicação, desenvolveu pesquisas comunitárias, realizou seminários e palestras com outros jovens em escolas, participou de  redes, comitês e conferências, e produziu o jornal “A Voz da Comunidade”, que apresenta notícias sobre as comunidades onde os estudantes moram.

Além disso, os Multiplicadores realizaram dois grandes eventos locais: o XI Fórum da Juventude e a XIV Feira de Educação em Saúde para Crianças e Adolescentes, que trabalharam os temas vistos em sala de aula com ênfase na violência e violações de Direitos Humanos contra essa parcela da população. Também gravaram o documentário chamado “O Brasil Que Não Fala”, que exibe imagens das visitas feitas pelos Adolescentes Multiplicadores em locais de violações de Direitos Humanos.

Como reconhecimento dessa iniciativa, a Casa de Passagem é a única ONG do Estado selecionada para participar do Observatório de Boas práticas e Projetos Inovadores em Direitos da Criança e do Adolescente e compartilhou a experiência com gestores da política de direitos da criança e do adolescente de estados, municípios e do âmbito federal, ONGs, adolescentes, universidades, conselheiros tutelares e de direitos, pesquisadores, personagens estratégicos do Sistema de Garantia de Direitos (SGD), além de organizações e representantes internacionais de seis países.

A programação da feira reuniu 500 participantes, representantes das 50 boas práticas e projetos inovadores escolhidos do Brasil, organizada com painéis temáticos, workshops, oficinas, lançamentos de publicações, atividades culturais, seminários estratégicos, além de um painel internacional sobre os “21 anos da Convenção sobre os Direitos da Criança e do Adolescente na América Latina”. Participaram do evento representantes do Paraguai, Argentina, Chile, Colômbia, Equador e Bolívia, além do Ministro da Secretaria de Direitos Humanos, Paulo Vannuchi.

O objetivo da ação é articular relacionamento de parcerias, promover o intercâmbio de iniciativas sobre os direitos humanos de crianças e adolescentes e estabelecer ações conjuntas para que os resultados das boas práticas/projetos sejam compartilhados e difundidos no país. O Observatório é uma iniciativa da Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente (SNPDCA), da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), em parceria com o Instituto Internacional para o Desenvolvimento da Cidadania (IIDAC).

As adolescentes da Casa de Passagem explicam as atividades realizadas durante o curso
Os participantes do evento lotaram ostand dos Adolescentes Multiplicadores
A Feira de Boas Práticas contou com diversas apresentações culturais
19.03.2014

O curso Adolescentes Multiplicadores em Direitos Humanos, realizado pela organização não governamental Casa de Passagem, foi um dos representantes de Pernambuco na feira do Observatório de Boas práticas e Projetos Inovadores em Direitos da Criança e do Adolescente. O evento aconteceu nos dias 6, 7 e 8 no Centro de Treinamentos e Eventos - Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio (CNTC), em Brasília (DF).

Através desse curso, a Casa de Passagem formou 53 adolescentes das comunidades do Recife e Região Metropolitana (RMR) para atuarem na garantia e defesa dos Direitos Humanos em qualquer espaço social que estejam inseridos. Esses jovens foram capacitados para repassar informações sobre diversidade de gênero, orientação sexual, raça e etnia, Direitos, ética, mídia, sistema penitenciário e violências contra crianças e adolescentes.

Como atividades de extensão do curso, o grupo fez caminhadas pelo centro do Recife pedindo políticas públicas à juventude, conheceu os centros de atendimentos e unidades prisionais da cidade, visitou as instalações de alguns veículos de comunicação, desenvolveu pesquisas comunitárias, realizou seminários e palestras com outros jovens em escolas, participou de  redes, comitês e conferências, e produziu o jornal “A Voz da Comunidade”, que apresenta notícias sobre as comunidades onde os estudantes moram.

Além disso, os Multiplicadores realizaram dois grandes eventos locais: o XI Fórum da Juventude e a XIV Feira de Educação em Saúde para Crianças e Adolescentes, que trabalharam os temas vistos em sala de aula com ênfase na violência e violações de Direitos Humanos contra essa parcela da população. Também gravaram o documentário chamado “O Brasil Que Não Fala”, que exibe imagens das visitas feitas pelos Adolescentes Multiplicadores em locais de violações de Direitos Humanos.

Como reconhecimento dessa iniciativa, a Casa de Passagem é a única ONG do Estado selecionada para participar do Observatório de Boas práticas e Projetos Inovadores em Direitos da Criança e do Adolescente e compartilhou a experiência com gestores da política de direitos da criança e do adolescente de estados, municípios e do âmbito federal, ONGs, adolescentes, universidades, conselheiros tutelares e de direitos, pesquisadores, personagens estratégicos do Sistema de Garantia de Direitos (SGD), além de organizações e representantes internacionais de seis países.

A programação da feira reuniu 500 participantes, representantes das 50 boas práticas e projetos inovadores escolhidos do Brasil, organizada com painéis temáticos, workshops, oficinas, lançamentos de publicações, atividades culturais, seminários estratégicos, além de um painel internacional sobre os “21 anos da Convenção sobre os Direitos da Criança e do Adolescente na América Latina”. Participaram do evento representantes do Paraguai, Argentina, Chile, Colômbia, Equador e Bolívia, além do Ministro da Secretaria de Direitos Humanos, Paulo Vannuchi.

O objetivo da ação é articular relacionamento de parcerias, promover o intercâmbio de iniciativas sobre os direitos humanos de crianças e adolescentes e estabelecer ações conjuntas para que os resultados das boas práticas/projetos sejam compartilhados e difundidos no país. O Observatório é uma iniciativa da Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente (SNPDCA), da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), em parceria com o Instituto Internacional para o Desenvolvimento da Cidadania (IIDAC).

As adolescentes da Casa de Passagem explicam as atividades realizadas durante o curso
Os participantes do evento lotaram ostand dos Adolescentes Multiplicadores
A Feira de Boas Práticas contou com diversas apresentações culturais
19.03.2014

Juventude diz não à Violência Doméstica e Sexual contra Crianças e Adolescentes. Esse foi o tema da XV Feira de Educação em Saúde para Adolescentes que a Casa de Passagem realizou durante o dia 18 de novembro. O evento aconteceu no Parque 13 de Maio, centro do Recife, das 8h às 17h, com dezenas de jovens realizando exposições e repassando informações sobre a temática da violência.

Em 80 stands, cada um composto por dez adolescentes, o público recebeu informações sobre violência física, sexual, psicológica, alimentação, pedofilia, trabalho infantil, bullying, saúde e outros assuntos ligados ao tema principal. Apresentações de teatro, hip hop, capoeira e balé também estavam na programação do evento.

Este ano, a Feira de Educação em Saúde para Adolescentes teve serviços gratuitos de vacinação, distribuição de kit de saúde bucal e informações sobre Saúde da MulherA estudante Beatriz dos Santos Ramos, 12 anos, repassou informações sobre o trabalho infantil. “Nossa maquete mostra o lado escuro do trabalho infantil e o lado claro daqueles que têm família e podem estudar”, explicou a adolescente junto com o grupo de amigos.

No total, a Feira beneficiou diretamente 1.200 jovens e adolescentes, de ambos os sexos, das comunidades de Recife, Olinda, Paulista, Camaragibe e Moreno. Incluindo nesse conjunto, líderes comunitários, agentes de saúde, representantes de entidades civis e governamentaisA ação é uma parceria entre a Casa de Passagem, Movimento Integrado de Profissionais da Saúde para Adolescentes (MIP), União Europeia, Secretaria de Saúde do Recife, Prefeitura do Recife, Unesco/Criança Esperança, Misereor, Chesf e Governo Federal.

 

Adolescentes repassaram informações sobre exploração sexual de jovens
Grupo de mulheres explicou sobre infecções sexualmente transmissíveis
Stand de vacinação preveniu o público da Feira contra a Hepatite B

 

19.03.2014

As meninas do Passagem Para a Vida mudaram a rotina de trabalho da Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco (ALEPE), no centro do Recife. As jovens realizaram uma exposição, durante o último dia 23, que envolvia os quadros pintados por elas, caixas de madeira decoradas, guarda objetos, panos de prato bordados e peças de roupas.

“Eu já conhecia o trabalho da Casa de Passagem, mas não sabia que as garotas eram verdadeiras artistas. Os quadros são lindos e espero que elas voltem mais vezes”, explicou Maria José Alves, 49 anos, quando apreciava as telas das pequenas pintoras.

19.03.2014

No dia 17 de novembro, os jovens que participam da Casa de Passagem fizerem uma grande caminhada para apoiar o enfrentamento à violência doméstica e sexual contra crianças e adolescentes. Utilizando faixas e acessórios, os jovens se reuniram no Parque 13 de Maio, no Centro do Recife, por volta das 14h. A saída ocorreu por volta das 16h pela rua Princesa Isabel. O destino final do grupo foi o Palácio do Campo das Princesas, onde entregaram ao secretário Especial de Juventude e Emprego do Estado, Pedro Mendes, uma carta com 12 propostas para enfrentar o problema.

A “Carta da Juventude” foi elaborada pelos jovens em outubro, durante o XII Fórum da Juventude. Entre as propostas, estão a ampliação das ações voltadas para aprendizagem, estágio, desenvolvimento de habilidades e qualificação continuada; a inserção dos jovens que saíram do Sistema Penitenciária e da Funase no mercado de trabalho; a garantia de um primeiro emprego; o acesso a programas de cultura, esporte e lazer e a ampliação das políticas de juventude junto ao Plano Estadual de Combate ao Crack, entre outros.

Para a articuladora política da Casa de Passagem, Eleonora Pereira, a criação de políticas públicas baseadas nas necessidades apontadas pelos adolescentes é o melhor caminho para o enfrentamento da violência. “Trabalhado com a própria juventude, ele pode entrar em contato com o outro e trabalhar como multiplicador da informação. A gente quer que a própria juventude possa mudar o nosso Estado e o nosso País. Se outros jovens conseguiram derrubar uma ditadura por que estes não conseguiriam acabar com a violência?”, questionou.

A estudante Sheyla Santos, 15, está entre os jovens que participaram do Fórum da Juventude. Para ela, a escola é um dos melhores lugares para debater temas como violência doméstica e sexual. “Apesar do tema ainda ser tratado como tabu, a escola é um lugar onde existem vários jovens que sofrem com esses problemas. Uma forma dos educadores colaborarem, seria abrir espaço para se discutir isto. Não apenas em forma de palestras e debates, mas também em conversas informais, como uma roda de discussões”.

A ação foi uma parceria entre a Casa de Passagem, Movimento Integrado de Profissionais da Saúde para Adolescentes (MIP), União Europeia, Secretaria de Saúde do Recife, Prefeitura do Recife, Unesco/Criança Esperança, Misereor, Chesf e Governo Federal. A caminhada ainda teve o apoio da Guarda Municipal.

 
A caminhada contou com a participação de dezenas de adolescentes e jovens
 
Na frente do Palácio do Governo, os jovens realizaram encenações de teatro
19.03.2014

Dois representantes do Consulado Americano estiveram no programa Passagem Para a Vida, da Casa de Passagem, no mês de novembro para conhecer o trabalho que a instituição realiza com as meninas sobre Direitos Humanos, violência sexual, turismo sexual e tráfico de seres humanos.

Os profissionais visitaram os espaços, conversaram com as adolescentes e participaram das oficinas de pintura e decoupage (técnica de decoração em porta-objetos de madeira). Além disso, as garotas fizeram apresentação da dança maculelê aos visitantes.

 
Os representantes do Consulado acompanham a decoração dos porta-objetos de madeira
 
Meninas realizam apresentação cultural para os visitantes
19.03.2014

Mais de 400 jovens do Recife e da Região Metropolitana (RMR) se encontraram no último sábado (23) no auditório da Faculdade Maurício de Nassau para debater sobre a situação da violência doméstica e sexual contra crianças e adolescentes. No final do evento, os participantes produziram a Carta da Juventude que será entregue no dia 17 de novembro, através de uma caminhada pelo centro do Recife, ao Governador de Pernambuco Eduardo Campos. A Carta apresenta propostas de políticas públicas de proteção da juventude contra esses crimes.

O Fórum contou com a participação dos jovens atendidos pela Casa de Passagem, entre 12 e 24 anos, das comunidades de Bultrins (Olinda), Arthur Lundgreen II (Paulista), Bonança (Moreno), Tabatinga (Camaragibe), Alto do Sol Nascente e Passarinho Baixo. Além disso, estavam presentes líderes comunitários, técnicos da ONG, mulheres e representantes de entidades governamentais e não-governamentais.

Na mesa de debate, na palestra e nas apresentações culturais foram trabalhados os temas: pedofilia, pornografia, estupro, exploração sexual infanto-juvenil e violência doméstica e sexual.

Juventude participa do XII Fórum
Mesa de abertura
Apresentação cultural ficou por conta das meninas do Passagem para a Vida.
19.03.2014

A Casa de Passagem vem se fortalecendo através das parcerias realizadas com empresas sociais. Restaurante Adoratto, Instituto Wal-Mart,Farmácia Roval, Casa Pio e Fundação Carrefour são alguns exemplos, de que o trabalho vem seguindo no caminho certo. Quem agradece são os jovens de comunidades de alto risco social, que estão em situação de vulnerabilidade e sem perspectiva de emprego. Ele iniciam os cursos profissionalizantes na ONG e são encaminhados, alguns como jovem aprendiz, outros como estagiários, e, têm aqueles que passam por um período curto de experiência e já são efetivados com celetista.

O empresário do Restaurante Adoratto Cláudio Cabral Simões explicou como a relação com a Casa de Passagem contribui para o crescimento da empresa e à inserção de jovens no mundo do trabalho.

Entrevista com o parceiro

1- Como começou a parceria entre o Restaurante Adoratto e a Casa de Passagem?

Quando abri a segunda franquia do Restaurante Adoratto em Boa Viagem, convivia com alguns problemas de alta rotatividade de funcionários, inexperiência de alguns profissionais e vícios de trabalhos anteriores. Nessa época, a franquia do Adoratto em Parnamirim, no bairro das Graças, já existia há seis anos.

Dessas necessidades, lembrei do trabalho da Casa de Passagem, que eu conheci através de pesquisas quando era representante da TIM. Retomei o contato com a instituição e em 2006 comecei a optar por contratar os jovens capacitados pela entidade.

2- Quantos jovens já passaram pelo Restaurante Adoratto? E quantos trabalham atualmente?

Aproximadamente 25 jovens. Alguns continuam conosco como Adriana de Oliveira (Auxiliar de Copa) e Jonatan de Oliveira (Gerente Administrativo), há 3 anos. Outros chegaram há 2 meses, Elizabete de Oliveira, Edlane Carolina e Taiuana de Oliveira.

 

3- Qual é o diferencial desses jovens?

 

Percebemos que os jovens da Casa de Passagem são educados, demonstram uma grande vontade de aprender, são focados e compromissados com as responsabilidades.

 

4- Qual o futuro da parceria entre a Casa de Passagem e o Restaurante Adoratto?

 

Espero que o restaurante seja totalmente gerido pelos jovens da Casa de Passagem, que essa liderança seja feita por eles. Dessa forma, será a maior empresa incubadora não só na formação, mas também na gestão do Adoratto.,

 

19.03.2014

O Núcleo de Inclusão Digital do Programa Iniciação ao Trabalho oferece gratuitamente o curso de Informática Básica para 300 jovens da comunidade de Santo Amaro e adjacências.

Estes adolescentes e jovens, após conclusão, serão encaminhados para o mundo do trabalho na perspectiva de melhoria na qualidade de vida, empoderamento crítico, político e intelectual, podendo fazer das ferramentas da informática ações para uso pessoal em sua comunicação.     Outra possibilidade é de utilizarem esses conhecimentos para realizar pesquisas escolares e de trabalho.

19.03.2014

A assessora do Programa de Cooperação da União Europeia, entidade financiadora do Projeto Rede Cidadã, Denise Verdade esteve na Casa de Passagem no mês de agosto para realizar a visita de monitoramento das atividades do projeto.

Na ocasião, ela se reuniu com a equipe técnica para discutir os próximos passos do projeto e conheceu algumas ações que aconteceram no mesmo dia, como a TV de Rua sobre o Meio Ambiente na comunidade de Tabatinga, e a Terapia Comunitária em Bonança.

18.03.2014

A equipe da Plan Holandesa esteve no Programa Passagem para a Vida, em agosto, para conhecer a metodologia do trabalho realizado pela Casa de Passagem e com isso criar um projeto na temática de exploração sexual. Os técnicos da Plan visitaram o espaço, conversaram com as adolescentes e registraram algumas fotos das atividades realizadas pelas meninas.

18.03.2014

No último trimestre, os estudantes de várias faculdades, universidades e escolas do Recife visitaram os espaços da Casa de Passagem. Os motivos das visitas foram conhecer o trabalho social que a instituição realiza e coletar informações para desenvolvimento de trabalhos acadêmicos.

A Casa de Passagem tem 20 anos de parceria com a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), a Faculdade de Ciências Humanas de Olinda (FACHO) e Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP), a qual proporciona estágios curriculares aos alunos do curso de Psicologia Social.

18.03.2014

A equipe da produtora Imagem e Vídeo (SP) esteve na Casa de Passagem para gravar as atividades do curso Marketing, Vendas e Empreendedorismo, realizado pelo Programa Iniciação ao Trabalho, financiado pelo Instituto Carrefour.

Foram registrados o espaço físico da instituição, as aulas de Estímulo à Leitura e Construção Textual, além de depoimentos de jovens, familiares e profissionais da instituição.

O vídeo será exibido no circuito interno de comunicação do Instituto Carrefour e na Reunião Nacional com os diretores do Instituto.

18.03.2014

A Casa de Passagem, mais uma vez, foi convidada para debater sobre o tema exploração sexual de crianças e adolescentes na mídia. Dessa vez, o convite foi feito pela produção do programa Cara e Coroa, da TV Brasil.

A equipe de reportagem esteve em Recife, no dia 28 de agosto, onde o jornalista Milton Coelho da Graça entrevistou a gerente executiva da Casa de Passagem Cristina Mendonça sobre a prevenção, o combate e a atuação da instituição contra a violência.

18.03.2014

Mais uma vez os adolescentes da Casa de Passagem estavam presentes no Encontro Tricontinental de Jovens. O evento reuniu aproximadamente 60 pessoas de 14 países da África, América do Sul e Europa. Este ano o encontro aconteceu em Zhana-Atrra, África, entre os dias 17 e 31 de março.

Através de oficinas, palestras temáticas, vídeos, apresentações teatrais e de dança, os jovens trocaram experiências referente a escravidão, o tráfico de pessoas e a exploração sexual. "Foi uma experiência que vou levar para o resto da vida. Aprendi a valorizar o que eu tenho depois que conheci a realidade deles", lembra Diego dos Santos Barbosa.

18.03.2014

Os adolescentes e jovens atendidos pela Casa de Passagem estão participando do curso de Atendimento em Farmácia de Manipulação, ministrado pela equipe da Farmácia Roval. Os estudantes aprendem como se trabalhar no setor farmacêutico, a importância da prestação de um bom serviço de saúde, as técnicas de atendimento, cálculos de fórmulas, a importância da prevenção para a saúde e os danos causados pela automedicação.

A iniciativa já capacitou 180 adolescentes e jovens, entre 18 e 24 anos, de ambos os sexos. Com a conclusão do curso os estudantes recebem certificado e passam por seleção de vagas para estagiar na Farmácia Roval. Isso foi o que aconteceu com Fábio de Oliveira, 24 anos. "A parceria entre as duas instituições qualifica jovens para o mundo do trabalho e eu fui um dos escolhidos. Consegui uma das vagas. Fiquei muito feliz, na hora não acreditei", afirmou o jovem.

Entrevista com o parceiro

O diretor técnico da Farmácia Roval, Arion Medeiros dos Santos, foi entrevistado pela equipe de comunicação da Casa de Passagem. Confira:

1- Como começou a parceria entre a Farmácia Roval e a Casa de Passagem?

A Farmácia Roval sempre procurou, junto com seus funcionários, participar da vida da comunidade e já tínhamos parcerias com uma creche e um hospital, mas queríamos dar alguma ajuda mais consistente e que tivesse efeitos mais duradouros, foi quando pensamos em qualificar jovens carentes para o mercado de trabalho (no caso, manipulação). A primeira organização que nos veio à mente foi a Casa de Passagem, pois tínhamos conhecimento, pela mídia, do excelente trabalho realizado por esta ONG com jovens.

2- Qual é o objetivo da parceria?

Capacitar estes jovens e formar mão-de-obra que venha suprir as necessidades do setor de Farmácia de Manipulação que ainda é muito carente.

3- Quantos jovens trabalharam na Farmácia Roval até agora?

Já tivemos 3 jovens contratados, 2 deles continuam trabalhando conosco. Oferecemos estágios para 3 jovens que não foram absorvidos pela empresa e nesta última turma selecionamos 2 jovens para um estágio de 6 meses com possível contratação após o término do estágio.

4- Há alguns jovens trabalhando na Farmácia atualmente?

Natália Lacerda de Araújo, 20 anos, auxiliar de manipulação, desde 2008.

Adriana Cícera de Santana, 27 anos, auxiliar administrativo, desde 2007.

18.03.2014

As meninas do Passagem Para a Vida fizeram apresentações de dança popular e ginástica rítmica em quatro escolas do Recife: Dom Helder, Emílio Dantas, José Maria e Hebert de Souza, entre os meses junho e setembro.

As visitas fazem parte do calendário das crianças e adolescentes que levam cultura, lazer e esporte para estudantes do ensino fundamental e médio como forma de incentivar o interesse nessas atividades. O projeto é financiado pela Petrobrás/Comdica.

18.03.2014

Para não perder o ritmo das eleições, as meninas do programa Passagem para a Vida da Casa de Passagem, estão participando de discussões sobre cidadania e democracia na instituição. Os debates iniciaram em junho e irão até o fim de agosto.

Os temas discutidos são igualdade, liberdade, equidade, projeto ficha limpa, política e direitos fundamentais dos cidadãos como saúde, educação, lazer, cultura e segurança pública. Beatriz Santana, 16 anos, explica que aprendeu alguns termos como nepotismo, "eu já sabia que o político não pode colocar familiares para trabalhar com ele, mas algumas meninas não", disse.

18.03.2014

Arte, cidadania e protagonismo. Essas são as principais características da exposição intitulada Arte de Passagem, que aconteceu entre os dias 20 e 30 de Abril no Shopping Tacaruna. A exposição foi resultado da oficina de pintura do projeto Passagem Para a Vida (PPV), da Casa de Passagem, que atende crianças e adolescentes do sexo feminino entre 7 e 17 anos. O objetivo da apresentação foi divulgar na sociedade o trabalho realizado pelas meninas atendidas na instituição. A mostra contou com aproximadamente trinta telas. Os quadros retrataram temas como paisagens, flores, anjos, praias, animais, céu, mar, arte abstrata entre outros.

As aulas de pintura acontecem todas as quarta feiras das 8h às 11h na sede do PPV. Nas atividades práticas as pintoras mirins não perdem tempo quando o assunto é criatividade. Para a beneficiada Amanda Saionara, de 15 anos, a “pintura é uma boa terapia porque desenhamos nossos sonhos. Quando pintamos, ficamos calmas”. Beatriz Poliana disse que começou a se interessar pela pintura na oficina, “não sabia combinar cores nos trabalhos da escola, mas aqui já pintei três quadros”.

O professor da oficina de pintura Flávio Serafim não dispensa elogios às alunas. Ele enfatiza que sente o maior prazer em ensinar e chama atenção para a pouca idade das artistas. Segundo Serafim, “a exposição Arte de Passagem é a consequência do esforço delas”. Segundo Serafim, as primeiras lições das garotas são sobre cores primárias e desenho.

O espaço recebe apoio dentre outros parceiros da TIM Nordeste e UNESCO, através do projeto Criança Esperança.

 
Público confere a exposição dos quadros.
18.03.2014

Com o projeto financiado pela OAK Foundation e Governo do Estado, as meninas do Programa Passagem Para a Vida aprendem como transformar materiais reciclados em caixinhas de guardar objetos na oficina de artesanato. As aulas acontecem três vezes por semana, pela manhã. Elas utilizam a técnica de decoupage, que é a arte de enfeitar objetos com recortes de tecidos, desenhos e diversos materiais.

As garotas desenvolvem a habilidade e a criatividade utilizando principalmente madeira e sabonete. Beatriz Estéfano de 14 anos, disse que gosta das aulas porque são como terapias. "A oficina nos deixa calmas. Eu sou muito agitada e com as tarefas deixo a brincadeira de lado. O que nós aprendemos aqui sei que vamos levar para o resto da vida. Quando estou na aula me sinto uma artista", conclui a jovem.

18.03.2014

No último trimestre, as meninas da Casa de Passagem conheceram alguns pontos turísticos do Recife, entre eles: a Fundação Joaquim Nabuco, em Casa Forte, o Memorial Luiz Gonzaga e o Memorial Chico Science, esses últimos no Pátio de São Pedro. O objetivo das visitas foi levar informações sobre música, cultura e história às garotas através dos espaços culturais da cidade.

"Gostei muito do Memorial Luiz Gonzaga porque conhecemos a história dele. Cantamos a música Asa Branca, vimos o triângulo, a sanfona, os instrumentos, os discos e as roupas. Achei interessante saber que Luiz Gonzaga fugiu de casa e desafiou os pais. Todos os locais são maravilhosos", disse Ingrid Maria do Nascimento, 12 anos.

No Memorial Chico Science elas conversaram sobre o movimento manguebeat

No Memorial Luiz Gonzaga elas cantaram músicas do Rei do Baião

Na Fundação Joaquim Nabuco as meninas receberam palestras

18.03.2014

O curso de Promotoras Legais Populares está sendo realizado nos núcleos comunitários para mulheres a partir de 17 anos. Como o curso de AMI, tem a duração de quatro meses. As mulheres são capacitadas sobre gênero, educação, saúde, sexualidade, Direitos Humanos e Lei Maria da Penha. As aulas acontecem uma vez por semana.

As alunas assistem a vídeos, a palestras, produzem trabalhos temáticos, trocam experiências de vida, participam de debates com convidados e de campanhas educativas.

As mulheres são capacitadas para que conheçam os próprios direitos e que repassem as informações no intuito de orientar, aconselhar e intermediar os conflitos nas próprias comunidades.

18.03.2014

O curso de Adolescentes Multiplicadores de Informação (AMI) está mudando a rotina de muitos jovens dos municípios atendidos pelo projeto Rede Cidadã. Nas aulas, os estudantes discutem sobre violação de Direitos Humanos no Brasil, Declaração Universal dos Direitos Humanos, Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), abuso e exploração sexual, drogas, violência, sexualidade, gravidez, políticas públicas, pobreza, emprego e renda.

O curso tem duração de 4 meses e beneficiará adolescentes e jovens, entre 12 e 24 anos, de ambos os sexos. Os alunos participam de muitas atividades, entre elas, palestras com convidados, vídeo-debates e campanhas educativas. Rafaela Ferreira, 15 anos, de Bonança disse que “as aulas são ótimas. Venho ao curso porque quero aprender e multiplicar informações”. Além disso, o curso de AMI fortalecerá o diálogo comunitário entre os beneficiados e outras instituições como os Centros de Referências de Assistência Social (CRAS) e Postos de Saúde Familiar (PSF).


Aula sobre Direitos Humanos

Trabalho sobre abuso e exploração sexual

Vídeo Que exploração é essa? do Canal Futura

18.03.2014

O curso de Adolescentes Multiplicadores de Informação (AMI) está mudando a rotina de muitos jovens dos municípios atendidos pelo projeto Rede Cidadã. Nas aulas, os estudantes discutem sobre violação de Direitos Humanos no Brasil, Declaração Universal dos Direitos Humanos, Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), abuso e exploração sexual, drogas, violência, sexualidade, gravidez, políticas públicas, pobreza, emprego e renda.

O curso tem duração de 4 meses e beneficiará adolescentes e jovens, entre 12 e 24 anos, de ambos os sexos. Os alunos participam de muitas atividades, entre elas, palestras com convidados, vídeo-debates e campanhas educativas. Rafaela Ferreira, 15 anos, de Bonança disse que “as aulas são ótimas. Venho ao curso porque quero aprender e multiplicar informações”. Além disso, o curso de AMI fortalecerá o diálogo comunitário entre os beneficiados e outras instituições como os Centros de Referências de Assistência Social (CRAS) e Postos de Saúde Familiar (PSF).


Aula sobre Direitos Humanos

Trabalho sobre abuso e exploração sexual

Vídeo Que exploração é essa? do Canal Futura

18.03.2014

A terapia comunitária é um encontro de grupo realizado quinzenalmente com os moradores das comunidades. Nesse espaço, eles se fortalecem, compartilham saberes, experiências de vida e discutem a realidade da própria comunidade.

O grupo conversa sobre as dificuldades pessoais e dos locais onde moram e procuram solucionar esses problemas numa avaliação coletiva.

A psicóloga e gerente executiva da Casa de Passagem, Cristina Mendonça, enfatiza que "as terapias comunitárias são momentos em que as pessoas falam das próprias alegrias, conquistas e dificuldades. São ambientes de ajuda e de confiança. A proposta é falar e não guardar as situações difíceis, pois elas são as principais causas das depressões".

18.03.2014

Os núcleos comunitários de Arthur Lundgreen II (Paulista), Bonança (Moreno) e Tabatinga (Camaragibe) do Projeto Rede Cidadã realizaram as TVs de Rua, no mês de maio, com o tema abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes.

Os moradores tiveram informações através de palestras com convidados, apresentação de teatros, de danças e do vídeo produzido pelo Canal Futura, em parceria com a Casa de Passagem e outras entidades, chamado "Que exploração é essa?".

Além do tema principal, as TVs de Rua trabalharam o subtema pornografia infantil nos meios eletrônicos para alertar as comunidades sobre os perigos na internet.

18.03.2014

A Casa de Passagem recebeu no mês de junho, a equipe de produção de vídeos do Criança Esperança - projeto da Rede Globo em parceria com a UNESCO, para participar das duas campanhas da emissora. O primeiro vídeo foi para mostrar as ações realizadas pela instituição e a segunda foi a Campanha Encontros, que mostra a visita do beneficiado pelo Criança Esperança, a um doador. O objetivo dos vídeos foi mostrar como as doações realmente transformam a vida de crianças e adolescentes beneficiadas pelo Criança Esperança.

A apresentação das atividades da Casa, foi realizada pelo jornalista e apresentador Francisco José e a do encontro com o ator Matheus Solano. O ator leva a jovens atendida pela Casa de Passagem, Danielle Queiroz, de 22 anos à casa de Jandir Carneiro Leão, um doador da campanha.

Danielle entrou na Casa de Passagem aos 17 anos, participou do grupo de teatro, que a ajudou a diminuir sua timidez, e frequentou o curso profissionalizante de Marketing e Vendas durante quatro meses. “A Casa de Passagem foi muito importante na minha vida. Entrei no grupo chamado Adolescentes Multiplicadores de Informação (AMI). Trabalhávamos sobre temas relacionados à sexualidade, DST/Aids, drogas, violência, Direitos Humanos e outras temáticas. Passei um 1 com esse grupo, depois fui inserida no Programa Iniciação ao Trabalho. Nesse programa, cursei Marketing e Vendas", revela a jovem. As conquistas de Danielle não param por aí: “Ainda durante esse curso, entrei no grupo de teatro Bolero de Raquel II. Depois de concluir o curso, fui encaminhada para o mundo do trabalho em 2008. Passei pelo processo de aprendiz do Wal-Mart/Bompreço. Conclui esse processo em 2009. Fiz o curso de Manipulação de Medicamentos da Farmácia Roval em 2010. Me destaquei e fique muito feliz de ter sido escolhida para trabalhar na Roval”. E ela ainda sonha cursar faculdade para ser Assistente Social. A conclusão de Jandir Leão não podia ser outra: “Foi ótimo contribuir com essa campanha.”

Em 2010, o Criança Esperança – um projeto da Rede Globo em parceria com a UNESCO – comemora 25 anos de existência. Em todo este tempo, foram arrecadados R$ 215,6 milhões, beneficiando mais de 5 mil projetos e 4 milhões de crianças e adolescentes em todo o Brasil. Somente no ano passado, o Criança Esperança apoiou 73 instituições, beneficiando quase 115 mil pessoas. A campanha tem como objetivo chamar a atenção da opinião pública para a situação da infância e da juventude no país, expondo ao debate – por meio de ampla ação de comunicação - alguns dos principais problemas que atingem crianças, jovens e adolescentes. Todo ano, a campanha mobiliza os brasileiros para doarem recursos que são aplicados em projetos sociais no Brasil, entre eles os chamados Espaços Criança Esperança e a Pastoral da Criança.

O ator Matheus Solano participou do vídeo sobre o encontro de Danielle e Jandir

                                            

Pausa da gravação na sede do Programa Iniciação ao Trabalho

18.03.2014

O dia 18 de Maio é o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Este ano a Casa de Passagem realizou, junto às instituições da Rede de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes do Estado de Pernambuco, uma caminhada pelo centro do Recife para informar e chamar a atenção da população sobre esse crime.

O tema da campanha deste ano é a pornografia infanto-juvenil praticada nos meios eletrônicos, como a internet e o celular.

Para denunciar um caso de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes basta ligar 100, de qualquer telefone e não precisa se identificar. A Casa de Passagem participa da coordenação colegiada da Rede de Combate junto ao Cendhec e a Secretaria de Desenvolvimento.

18.03.2014

As 22 instituições integrantes do Fórum Estadual dos Direitos das Crianças e Adolescentes (FEDCA), do qual a Casa de Passagem também é membro, promoveram uma caminhada pelas ruas do centro do Recife em defesa do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). O ato aconteceu durante à tarde do dia 8 de abril com concentração no Parque 13 de Maio.

Em 2010 o ECA completa 20 anos, por isso o objetivo da passeata foi incentivar a reflexão da população sobre a importância do Estatuto e cobrar dos governantes políticas públicas que efetivem a aplicação dos direitos das crianças e adolescentes. O coordenador do FEDCA Silvino Neto acredita que manifestações como essa são ferramentas de intervenção social e explica que “os jovens reconhecem seus papéis de cidadãos e aprendem que podem cobrar direitos”.

A caminhada terminou no Palácio do Governo, onde uma comissão de seis adolescentes entregou uma carta com os 20 compromissos fundamentais à garantia do ECA elaborada pelas organizações sociais que trabalham com crianças e adolescentes. As principais reinvidicações são a reordenação institucional da Fundação de Atendimento Socioeducativo (FUNASE), a reestruturação da Gerência de Proteção à Criança e Adolescente (GPCA) e a elaboração do Plano Estadual de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil.

                          

Muitos ambulantes também seguiram a passeata.

Faixas e cartazes chamavam a atenção para as reinvidicações.

18.03.2014

Em virtude da violência urbana e infanto-juvenil no Estado, a Casa de Passagem lançou a campanha Chega de Violência Contra a Juventude, que se iniciou no XI Fórum da Juventude e na XIV Feira de Educação em Saúde para Adolescentes.

Os Adolescentes Multiplicadores de Informação da Casa fizeram uma caminhada pelas ruas do centro do Recife pedindo fim à violência e chamando a atenção da sociedade para o fato de que historicamente essa parcela da população vem sendo marginalizada e tendo seus direitos violados. A campanha continua e precisa que cada um de nós semeie a paz.

A passeata teve participação ativa da juventude

18.03.2014

Nada melhor que incentivar a superação de adolescentes através do esporte. É o que está fazendo o Programa Passagem para a Vida da Casa de Passagem para ampliar o acesso aos direitos sociais básicos das meninas atendidas na instituição. Este ano a ginástica rítmica é uma das oficinas mais estimulantes. As meninas frequentam as aulas dois dias na semana. O público tem idade entre 8 e 15 anos.

As meninas iniciam as aulas com exercícios de alongamento, depois passam ao aquecimento e enfim começam a dançar. O decorrer da oficina é marcado por muito esforço e atitudes de cooperação entre elas.

Os cuidados com a saúde vão desde a utilização do uniforme adequado à posição correta dos movimentos. Para a professora Simone Oliveira, “a força e a flexibilidade são características necessárias para a modalidade, as meninas mais novas são mais flexíveis”.

“Venho a todas as aulas”, disse Aline da Silva, 8 anos..

Sobre nós


A Casa de Passagem Ana Vasconcelos é uma associação civil do nordeste brasileiro, sem fins lucrativos, de utilidade pública federal, estadual e municipal, que se baseia em princípios ético-morais de valorização da pessoa humana e na defesa dos direitos de crianças, adolescentes, jovens e mulheres em situação de pobreza do Estado de Pernambuco, fundamentados no pensamento sistêmico. Trata-se de uma organização não governamental reconhecida nacional e internacionalmente pelo trabalho que desenvolve na Região Metropolitana do Recife, junto às comunidades em situação de risco social.

Facebook

Curta nossa Fanpage

Álbum de Fotos

Confira nossas fotos
Copyright © - Casa De Passagem - Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido: