Atendimento (81)

3423.3839 / 3423.2930

 
 
Você pode efetuar um depósito ou doar
alimentos, roupas, livros, produtos de higiene e brinquedos.

A Casa


História



 

O Centro Brasileiro da Criança e do Adolescente – Casa de Passagem Ana Vasconcelos – é uma associação civil sem fins lucrativos enquadrada juridicamente como organização não governamental, entidade filantrópica de assistência às crianças, adolescentes, jovens, mulheres e famílias, fundada em 1989, pela advogada Ana Vasconcelos e pela psicóloga Cristina Mendonça, antes da promulgação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Nesta época, o Brasil vivenciava uma crise social sem precedentes, por não existir a implementação e a efetivação das políticas públicas, além disso, o país saia de uma ditadura militar, encontrando-se com alto índice de inflação, desemprego, subemprego, crianças e adolescentes em situação de rua, exploração sexual e mendicância. Muitas destas crianças eram aliciadas, pelos familiares, em situação de miséria, a viverem nas ruas e na marginalidade, a fim de aumentarem a renda familiar do grupo doméstico.

HOMENAGEM E PREMIAÇÕES

A entidade, ao longo dos seus 25 anos de existência, vem tendo seu trabalho reconhecido não só pelo público beneficiário, pela mídia, mas também por agências de financiamento, empresas privadas e órgãos governamentais. Pelas ações que desenvolve, vem sendo homenageada e recebendo prêmios, tais como:

  • Homenagem ao Dia Internacional da Mulher, Câmara Municipal do Recife, 2012;

  • Medalha de Honra Dom Helder Câmara de Direitos Humanos, 2012;

  • Prêmios Itaú/FIES, 2011;

  • Medalha Ruth Cardoso, 2011;

  • Semifinalista do Prêmio Itaú/UNICEF, 2011;

  • Homenagem da Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco, em comemoração aos 20 anos da Casa de Passagem Ana Vasconcelos – 2009.

  • Homenagem da Câmara dos Vereadores de Pernambuco, em comemoração aos 20 anos da Casa de Passagem Ana Vasconcelos – 2009.

  • Prêmio Itaú Fies 2008 – Referente à qualificação profissional de adolescentes e jovens.

  • Prêmio Ludicidade Pontinhos de Cultura – Ministério da Cultura 2008

  • Homenagem da Assembléia Legislativa do Estado de Pernambuco, em comemoração aos 18 anos da Casa de Passagem – 2007.

  • Homenagem da Assembléia Legislativa do Estado de Pernambuco, pelo pioneirismo junto a outras ONGs na Prevenção e Enfrentamento ao Tráfico de Seres Humanos - 2006.

  • Prêmio Top Of Mind Brazil - consagração pública brasileira como organização não-governamental que atende às crianças e adolescentes das mais lembradas pelo público- 2006.

  • Semifinalista do Prêmio Itaú/UNICEF - Projeto de Acompanhamento Pedagógico, em 2005.

  • Troféu Cultural Cidade do Recife - Prefeitura da Cidade do Recife - 2004.

  • Prêmio Itaú/UNICEF - Educação & Participação - Projeto Maracatu Moda Arte e Artesanato - Semifinalista, 2003.

  • Prêmio Bem Eficiente 2003 - Kanitz & Associados.

  • Prêmio IBEST 2001, TOP10 - Concedido pela iBest Company - 2001.

  • Título de Instituição “Amiga da Criança - Sociedade de Pediatria de Pernambuco, 2002.

  • Inclusão no Guia Filantropia 400, as maiores entidades beneficentes do país - Kanitz Associados, 2001.

  • Homenagem pelos Serviços Prestados à Sociedade Pernambucana - concedida pelo Governo do Estado de Pernambuco, em 1999.

  • Prêmio Itaú/UNICEF - Projeto de Acompanhamento Pedagógico, em 1999.

  • Prêmio Dia Mundial de Luta Contra a Aids - concedido pelo Ministério da Saúde, em 1998.

  • Prêmio Dia Internacional Contra o Abuso de Drogas, 1997;

  • Prêmio Direitos Humanos - concedido pelo GAJOP - Gabinete de Assessoria Jurídica às Organizações Populares, em 1996.

  • Medalha Joaquim Nabuco - concedida pela Assembléia Legislativa de Pernambuco, nos seus 160 anos, em 1995.

  • Medalhas de Honra Dom Helder Câmara de Direitos Humanos, 1995;

  • Prêmio Dom Hélder Câmara - concedido pela OAB, Secção de Pernambuco, em 1995.

  • Prêmio Criança - concedido pela Fundação Abrinq pelos Direitos das Crianças, em 1990.

Missão e Valores



 

 

 

- MISSÃO: Promover o protagonismo sócio-político de crianças, adolescentes, jovens e mulheres em situação de vulnerabilidade social, com base numa proposta de formação que resulte em cidadãos/cidadãs críticos/críticas, empoderados/empoderadas politicamente na perspectiva de inserção no mundo do trabalho.

- VALORES: Legalidade, moralidade, ética, respeito a diversidade, singularidade humana e a pluralidade de ideias.

Metodologia


Para colocar em prática os seus objetivos, a Casa de Passagem Ana Vasconcelos promove atividades psicosocioeducativas e culturais para seu público, através da Metodologia Sistêmica, onde o desenvolvimento do ser humano é trabalhado em todos os setores de sua vida, englobando família, amigos, escola, trabalho, comunidade etc.

Uma destas atividades é a Terapia Comunitária Sistêmica, que se trata de uma metodologia em que adolescentes, jovens, e mulheres, compartilham suas experiências, problemas e soluções com “os outros” (familiares, vizinhos, parentes, amigos, colegas), a fim de aumentar seu capital social e se sentirem mais fortalecidos para os desafios da vida cotidiana. Visa desenvolver o sentido de pertença social, a subjetividade, as competências individuais e coletivas, a solidariedade, a integração entre grupos, promove a construção da dignidade e da cidadania. Consiste em quatro etapas: acolhimento, contextualização, problematização e agregação.

A terapia comunitária sistêmica é aplicada desde 2002 nos três programas da Casa de Passagem Ana Vasconcelos, com crianças, adolescentes, jovens, mulheres, famílias e lideranças, cujo resultado vem evidenciando o fortalecimento de redes sociais no contexto da comunidade e da família, proporcionando mudanças para comportamentos mais sociáveis e desenvolvimento das competências dos usuários, possibilitando descobrir habilidades de auto-sustentação, aumentando, assim, o capital social do público atendido. No Brasil, a terapia comunitária começou em Fortaleza, através do psiquiatra Adalberto Barreto, tendo sido comprovada a sua eficiência em diversos estados, com a população em situação de vulnerabilidade social e política.

Advocacy


A Casa de Passagem Ana Vasconcelos, desde sua fundação, desenvolve ações de advocacy (o conjunto de ações que pretendem alterar as relações de poder entre as instituições e as pessoas afetadas pelas decisões dessas instituições, levando, ao limite, a alteração das próprias instituições - C. Vassaux) e lobbying (é o processo de influência para alterar uma norma, criar uma nova ou suprimir as disposições existentes - G. Lamarque).

As ações de advocacy e lobbying da Casa de Passagem Ana Vasconcelos (CPAV) são feitas através de campanhas educativas, atendimentos às comunidades de baixa renda, combate ao trabalho infantil, violência contra a mulher, discriminação de gênero, raça e etnia, para aperfeiçoar as implantações e as implementações das políticas públicas na defesa do seu público atendido no Estado de Pernambuco.

A entidade vem realizando ações de advocacy e lobbying em defesa e ampliação dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes, principalmente aqueles que se encontram em situação de rua e de alta vulnerabilidade social e pessoal das comunidades de baixa renda da Região Metropolitana do Recife (RMR), em diversos espaços sociais e políticos, junto ao poder Legislativo e Executivo e atores sociais do Sistema de Garantia de Direitos.

As ações de Advocacy e Lobbying têm como objetivo auxiliar na criação de políticas públicas em prol de uma causa, por meio do acompanhamento de propostas nos espaços políticos.

 

ARTICULAÇÕES E PARCERIAS

Atuação da Casa de Passagem nos Espaços Políticos

A Casa de Passagem Ana Vasconcelos (CP) desenvolve ações voltadas para o sistema de garantias, exercendo um papel no controle social, como protagonista da sociedade civil e participando nos espaços institucionais, procurando garantir a defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente.

No Movimento Nacional de Direitos Humanos (MNDH), a CPAV é membro e entidade filiada. Em Direitos Humanos, a CPAV é Conselheira Estadual de Direitos Humanos.

Quanto à Política de Proteção aos Direitos Humanos, a entidade vem participando e se articulando politicamente com os seguintes Fóruns, Redes, Secretarias e Conselhos. Entre os diversos espaços políticos que a Casa de Passagem atua advogando e fazendo lobbying destacam-se:

  •   Movimento Nacional de Direitos Humanos - como membro

  •   Comitê de Enfrentamento ao Tráfico de Seres Humanos – como membro da coordenação colegiada

  •   Fórum de Mulheres de Pernambuco - como participante

  •   Fórum de Defesa da Criança e do Adolescente de Pernambuco - como membro

  •   Fórum de Defesa da Criança e do Adolescente de Recife - como membro

  •   Fórum de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil de Pernambuco

  •   Rede de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescente de Pernambuco – como membro da coordenação colegiada

  •   Rede ECPAT Brasil (End Child Prostitution, Child Pornography and Traficking of Children for Sexual Purposes ) – como membro

  •   Conselho Estadual de Assistência Social (CEAS) – Entidade Conselheira Titular

  •   Conselho Municipal de Assistência Social do Recife (CMAS) – Entidade Conselheira Titular e Vice-presidente Gestão 2013\2015

  •   Conselho Estadual de Direitos da Criança e do Adolescente (CEDCA\PE) – Entidade Conselheira

  •   Ação em Rede pela Criança e Adolescente – ARCA

 

PARCERIAS

A ONG trabalha de forma articulada e integrada com Redes de apoio às crianças e adolescentes, em Defesa dos Direitos Humanos, Contra ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes e no Enfretamento a violência contra a Mulher. Faz parceria com órgãos governamentais na esfera federal, estadual e municipal. Conta com apoio de agências internacionais de desenvolvimento, empresas privadas e de universidades, como pode ser observado:

Governo Federal

Secretaria Especial de Direitos Humanos

Governo do Estado de Pernambuco

Governo Municipal - Prefeitura do Recife

Instituições de Ensino Superior - Universidade Federal de Pernambuco –Universidade de Pernambuco – (UPE), Universidade Católica de Pernambuco –(UNICAP), Faculdade Pernambucana de Saúde (FPS) e Faculdade do Recife (FAREC) – Faculdade de Ciências Humanas de Olinda (FACHO), são as instituições de ensino superior de Pernambuco.

Objetivos


  • Contribuir para redução da pobreza.

  • Promover melhoria na qualidade de vida de crianças, adolescentes, jovens e mulheres.

  • Fortalecer a autoestima de crianças, adolescentes, jovens e mulheres.

  • Enfrentar o abuso e a exploração sexual e comercial de crianças e adolescentes.

  • Capacitar adolescentes, jovens e lideranças comunitárias para serem inseridos no mundo do trabalho, acompanhando-os em sua trajetória.

  • Contribuir para o aumento da inclusão e aprovação escolar de crianças e adolescentes.

  • Favorecer a inclusão cultural, digital e social.

  • Estimular o protagonismo juvenil, político e comunitário.

  • Realizar ações de advocacy e lobby em defesa, ampliação e garantia de direitos das crianças, adolescentes, jovens, mulheres e negros, visando à implementação e efetivação das políticas públicas.

Sobre nós


A Casa de Passagem Ana Vasconcelos é uma associação civil do nordeste brasileiro, sem fins lucrativos, de utilidade pública federal, estadual e municipal, que se baseia em princípios ético-morais de valorização da pessoa humana e na defesa dos direitos de crianças, adolescentes, jovens e mulheres em situação de pobreza do Estado de Pernambuco, fundamentados no pensamento sistêmico. Trata-se de uma organização não governamental reconhecida nacional e internacionalmente pelo trabalho que desenvolve na Região Metropolitana do Recife, junto às comunidades em situação de risco social.

Facebook

Curta nossa Fanpage

Álbum de Fotos

Confira nossas fotos
Copyright © - Casa De Passagem - Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido: